LIRAa classifica Varginha com ‘médio risco’ de infestação do Aedes Aegypti

De acordo com o levantamento, os bairros com maiores números de depósitos com focos foram Parque Rinaldi, Parque Boa Vista e Jardim Sion.

Realizado nos dias 25, 26 e 27 de Outubro, o 3º Levantamento de Índice Rápido (LiRAa), classificou Varginha com ‘médio risco’ de infestação do Aedes Aegypti . Ao todo, foram visitados 3.014 imóveis sorteados pelo programa do Ministério da Saúde.

No total geral, foram encontrados 34 focos do Aedes Aegypti e um mosquito Aedes Albopictus. De acordo com o levantamento, os bairros com maiores números de depósitos com focos foram Parque Rinaldi, Parque Boa Vista e Jardim Sion.

Segundo o encarregado do Setor Vigilância Ambiental, José Donizeti Souza, nos imóveis visitados pelo Agente de Combate às Endemias, além do tratamento e eliminação dos focos, são recolhidos exemplares das larvas encontradas, que segue junto ao formulário próprio contendo endereço, tipo de depósito e quantidade de larvas. Tudo isso, conforme ele, é encaminhado ao laboratório do setor, onde se faz a contagem e a identificação das mesmas.

O Setor de Vigilância Ambiental em conjunto com outras Secretarias do Município, vem realizando diversas ações, tais como, o Mutirão de Limpeza, colocação de tampas em caixas d’ água de residências abandonadas ou de pessoas carentes, intensificando vistorias nos bairros com maiores números de focos encontrados no LIRAa entre outros.

De acordo com a assessoria da prefeitura, o próximo Mutirão de Limpeza esta agendado para o dia 10/11, no bairro Parque Boa Vista.

Fonte: Ascom Prefeitura de Varginha/Foto: Flickr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.