Artigo de Juarez Alvarenga – O poder de barganha na classe trabalhadora

Saiamos da idade media e entramos na idade contemporânea, reflexos negativos da idade media se estendeu até o fim do século XX, principalmente, nos grotões.

Com a entrada do novo milênio  o mundo acelerou, libertando do passado e já pensando no futuro.

Umas das áreas que mais transformou foi a do trabalho, entramos na era tecnológica, exigindo do trabalhador brasileiro, um novo patamar.

O trabalhador tosco será expulso do mercado, pois t o trabalho no novo século libertou da força passando exigir raciocínio.

Agora é essencial adquirir conhecimentos, pois o trabalhador moderno depende mais da mente do que das mãos. O automatismo foi totalmente extinto.

Os que não evoluíram serão expulsos do mercado, pois Prevemos, que somente a aristocracia operária conseguira ter instrumento de sobrevivência.

O trabalhador tosco ficara fora do mercado, acarretando substancial problema social, só os que se instrumentalizar serão absorvidos pelo mercado

Cabe ao estado, instrumentalizar o trabalhador, deste que ele queira. Isto é problema para esta geração.

Quanto ao trabalhador tosco, não há outra alternativa, o assistencialismo governamental.

O interessante seria instrumentalizar, mas esses trabalhadores não respondem a ajuda dada. É triste, mais verdadeiro impossível este grupo qualquer evolução significativa.

As famílias pobres do mundo moderno tem que criar uma nova mentalidade. Se preparar antes de entrar do mercado do trabalho.

O patrão não Papai Noel. Só conservarão nos empregos o mais aptos. Isto é uma lei do mercado e da natureza.

Cabe a classe trabalhadora aumentar seu poder de barganha. E isso é problema exclusivo do trabalhador moderno.

No mundo racional do emprego, não existe caridade, mas equidade beneficiando o mais aptos.

Por isso a nova geração de trabalhadores, adquire poder de barganha, ou a história de sofrimentos perpetuarão no tempo e no espaço.

Esperar dadivas no mundo do trabalho é utopia, pois este mundo é da reciprocidade de interesses.

JUAREZ ALVARENGA
ADVOGADO E ESCRITOR
R: ANTONIO  B. FIGUEREIDO,29
COQUEIRAL/MG
CEP: 37235 000
FONE: (35) 91643890
Email: juarezlalvarenga@ig.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.