Varginha registra aumento de 13% em aberturas de pequenos negócios comparado com o mesmo período do ano passado

Segundo dados da Receita Federal, Varginha registrou, no primeiro trimestre de 2021, 765 novos pequenos negócios (ME, MEI e EPP) 88 a mais em comparação com o mesmo período de 2020.

Redação CSul/Foto: Arquivo CSul

Varginha registrou, no primeiro trimestre de 2021, alta de 13% de aberturas de pequenos negócios em comparação com o mesmo período de 2020. Segundo dados da Receita Federal, foram abertos 765 novos pequenos negócios (ME, MEI e EPP) 88 a mais em comparação com o mesmo período de 2020. Já em relação ao número de empresas que encerraram suas atividades, foi registrado 254 fechamentos, ou seja, 61 a menos comparado com o mesmo período do ano passado.

Os dados mostram que Varginha seguiu na contramão ao estado de Minas Gerais, que registrou queda de 2,5% no número de aberturas de pequenos negócios.

Para o Secretário de Desenvolvimento Econômico de Varginha, Juliano Cornélio, a necessidade de empreender em meio à pandemia é um dos fatores que contribuíram para o crescimento deste número.

“Existe o empreendedorismo por necessidade, ou seja, o empreendedor decide investir em um negócio próprio porque a situação em que se encontra faz busca-ló alternativas de sobrevivência, sendo na sua maioria, microempreendedores individuais” – disse o secretário.

“Esta situação faz com que a Secretaria de Desenvolvimento Econômico tenha uma atenção ainda mais especial no intuito de que estas empresas consigam se manter no mercado e, até mesmo, crescerem. Políticas públicas em âmbito federal, estadual e municipal precisam ser implementadas e este tem sido o foco da Secretaria de Desenvolvimento Econômico no apoio aos pequenos negócios de Varginha”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.