• (35) 2105-5555
  • csul@correiodosul.com
  • Rua Marcelino Rezende, 26 - Parque Catanduvas

Ato pedindo a prisão de Lula será realizado hoje em Varginha

Varginha realizará um ato pedindo a prisão do ex-presidente Lula, hoje, às 19 horas.

Promovida pelo Grupo ‘Vem Pra Rua Varginha’, uma carreata se iniciará após a concentração no Alto da Vila Paiva, às 19h. O trajeto: Av. Aristides Paiva, Av. Pinheiros, Al. dos Ipês, Av. Boa Vista, Ana Jacinta, Santa Cruz, Rui Barbosa, Benjamin Constant, descendo pelo shopping, subindo a Humberto Pizzo, retornando pela Princesa do Sul, Francisco Navarra, Major Venâncio, Praça Getúlio Vargas e concentração final na Concha Acústica, onde haverá discursos.

Sobre o Vem Pra Rua (Palavras deles)

Quem são?

“O Vem Pra Rua é um movimento suprapartidário, democrático e plural que surgiu da organização espontânea da sociedade civil para lutar por um Brasil melhor. Brasileiros de todas as regiões do país, de todas as classes sociais e de todas as idades passaram a se mobilizar, desde o final de 2014, contra a grave situação econômica, política e social pela qual passamos. Preocupados com os rumos que tomava a política brasileira, sequestrada que estava e está por gente incompetente, despreparada e sem compromissos com o país, alarmados com os casos de corrupção de proporção cada vez mais gigantesca, que consomem nossas riquezas e energias como Nação, e indignados com o agravamento da crise econômica – com suas consequências sociais –, nós, cidadãos brasileiros, não podemos deixar que a política seja feita apenas nos gabinetes: já era hora de a política tomar as ruas! Foi por isso que o Vem Pra Rua levou, juntamente com outros movimentos da sociedade civil, mais de 2 milhões de pessoas às ruas de todo o Brasil em 4 grandes manifestações contra a corrupção e o desgoverno que ameaçam nossa sociedade.”

O que querem?

“Nós do Vem Pra Rua queremos um Brasil livre da corrupção, uma política feita com ética e um Estado desinchado e eficiente. Queremos um Brasil verdadeiramente democrático e justo, e não há democracia nem justiça com corrupção, incompetência e autoritarismo. Uma sociedade democrática não pode ser refém de um governo ou de partidos autoritários, que sequestram bandeiras e causas da população, cassam a palavra e os anseios das pessoas e julgam-se acima do bem e do mal. Uma sociedade justa não pode aceitar a impunidade dos poderosos da República, sejam eles políticos ou governantes, empresários ou banqueiros, pois ninguém pode atuar à margem da lei. Combater a corrupção, erguer a bandeira da ética na política e defender um Estado capaz de servir a sociedade, e não o contrário, é o caminho para um Brasil democrático e justo.”

Formas de manifestação

“O Vem Pra Rua  já levou mais de 2 milhões de pessoas às ruas de todo o Brasil nas manifestações de 2015. Em parceria com diversos outros movimentos sociais, engajamos a sociedade civil brasileira e mobilizamos as pessoas para participarem de grandes manifestações e passeatas em mais de 240 cidades brasileiras. Ir às ruas, protestar e reivindicar é um princípio básico das democracias e de uma sociedade aberta. Contudo, não é só nas passeatas e nas manifestações que se “vai à rua”: podemos mobilizar nossos amigos e conhecidos nas redes sociais, podemos nos organizar para cobrar de políticos e de funcionários do Estado brasileiro, podemos nos engajar na tarefa de cobrar de nossos representantes – nas câmaras municipais, nas assembleias legislativas, no congresso federal – para que sejam honestos, transparentes e eficazes na defesa dos interesses de nosso país. A rua não é só a manifestação: é onde acontece a sociedade brasileira.”

Fonte: Vem Pra Rua / Foto: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.