Tempestade arranca árvores, telhados e deixa bairros sem energia em Varginha

Colégio Master cancela aulas desta terça-feira (4) e Sicoob Credivar comunica suspensão de serviço de agência da Vila Paiva

Redação CSul – Iago Almeida / Fotos: Willian Boechat/Varginha 24 Horas

Uma forte chuva acompanhada de rajadas de ventos e raios atingiu Varginha no início da noite desta segunda-feira (3). Bairros ficaram sem energia elétrica, aulas foram canceladas e árvores caíram em vários pontos da cidade.

Segundo o Corpo de Bombeiros, cinco quedas de árvores foram registradas. Entre Varginha e três Pontas, na MG-167, uma das pistas ficou interditada e o trânsito ficou complicado durante toda a noite.  Houve queda registrada também na Rua Aristides Paiva.

Na rua Silvio Cougo, próximo à Minasul e Credivar, e na Avenida Imigrantes, no Jardim Cidade Nova, carros foram atingidos por árvores. Na manhã desta terça-feira (4), a Sicoob Credivar emitiu nota oficial informando que os serviços estão suspensos na agência da Rua Silvio Cougo. Confira a nota:

“Em virtude das fortes chuvas que atingiram a nossa cidade, informamos aos nossos cooperados que a agência Matriz de Varginha se encontra temporariamente fechada. Estamos trabalhando para restabelecer o atendimento o mais rápido possível. Os cooperados poderão procurar uma de nossas agências mais próximas, no JarDim Sion (Av. Dom Othon Motta, 100, (35) 3214-7466 – (35) 3214-7413) e no Centro (Praça José de Rezende Paiva, 84, (35)3690-7300)”.

Rua Silvio Cougo / Varginha 24 Horas
Rua Silvio Cougo / Varginha 24 Horas
Rua Silvio Cougo / Varginha 24 Horas
Rua Silvio Cougo / Varginha 24 Horas
Avenida Imigrantes / Varginha 24 Horas

Também na Avenida Imigrantes, parte da cobertura do Colégio Master foi arrancada e as aulas foram canceladas nesta terça-feira (4), segundo comunicado divulgado nas redes sociais. Uma das telhas atingiu a rede elétrica causando queda de luz em bairros da região. A energia foi restabelecida por volta das 23h.

Colégio Master / Varginha 24 Horas
Colégio Master / Varginha 24 Horas
Colégio Master / Varginha 24 Horas
Nota oficial do Colégio Master / Varginha 24 Horas

Segundo a Cemig, os bairros com danos mais graves à rede (postes quebrados e cabos partidos devido a queda de árvores, telhas, calhas, etc) foram a Vila Paiva, Pinheiros, Campos Elíseos e Vila Barcelona. De acordo com moradores, os bairro Sagrado Coração, Vila Pinto, Fátima e Bom Pastor também ficaram sem energia durante certo período.

A estrutura da quadra da Escola Polivalente também caiu com o vento. Um outdoor caiu próximo ao Museu do ET, no Alto da Vila Paiva. Ninguém ficou ferido. Próximo à Prefeitura também houve danos.

Franciele Brígida / CSul
Franciele Brígida / CSul
Franciele Brígida / CSul
Franciele Brígida / CSul

Moradores registraram a forte chuva também no bairro São Francisco e Parque Imperial. Em vídeos divulgados nas redes sociais é possível ver a enorme nuvem que se formou no céu e muita ventania.

Bairro São Francisco:

Bairro Parque Imperial:

Meteorologia

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) prevê pancadas de chuva localizadas no sul de Minas, durante toda a semana. A Defesa Civil orienta moradores a tomarem mais cuidados “especialmente nos períodos da tarde ou noite”. O calor do verão e a umidade do ar favorecem a precipitação.

Segundo o Inmet, nesta quarta-feira (5), Varginha deve registrar temperatura máxima de 24ºC e mínima de 20ºC. A umidade relativa do ar fica pode chegar a 94% durante o dia. O céu ficará encoberto e pancadas de chuvas são esperadas durante a manhã e a noite.

A chuva deve prevalecer até o final de semana. Os termômetros ficam entre 19ªC e 26ºC no sábado (8), e pancadas de chuvas e trovoadas também são esperadas no município.

Chuva na região

Além de Varginha, outras cidades do Sul de Minas registraram fortes chuvas. De acordo com a Cemig foram registrados dez vezes mais chamados em decorrência da tempestade com rajadas de ventos e grande intensidade de descargas atmosféricas (raios) nas cidades de Varginha, Carmo da Cachoeira, Bom Sucesso, Três Corações, Cambuquira, Minduri, São Vicente de Minas, Espírito Santo do Dourado, Andradas, Botelhos, Areado, Alterosa e Fama.

De acordo com o engenheiro líder regional da Cemig,  Alexon do Prado Conde foram priorizadas para manutenção as situações que envolvem risco de acidentes e serviços essenciais à população, além de grandes blocos de clientes.

Em função do grande volume de ocorrências, os trabalhos de restabelecimento devem avançar ao longo desta terça-feira (4), com intensa atuação de técnicos e eletricistas, uma vez que a complexidade dos danos e a dispersão da área atingida demandam maior tempo na recomposição da rede.

“Estamos atuando para que o fornecimento de energia seja normalizado no menor tempo possível,  trabalhando de forma ininterrupta na recuperação do sistema elétrico”, esclarece o engenheiro.

A Cemig alerta a população para não se aproximar de cabos partidos e de árvores caídas, uma vez que elas podem esconder os fios energizados da rede elétrica. Também é importante verificar se telhas, calhas e tampas de caixa d’água estão bem afixadas, para evitar que sejam lançadas pelos ventos contra a rede elétrica.

Abastecimento de água

A Copasa informou que, devido à manutenção na rede de água, o abastecimento de alguns bairros de Varginha foi paralisado emergencialmente nesta segunda-feira (3). A previsão era que o abastecimento fosse restabelecido e normalizado, gradativamente, ao longo do dia, mas, segundo moradores, alguns locais ainda estão sem água nesta terça-feira (4), incluindo o Hospital Regional.

Os bairros afetados, segundo a Cemig, foram: Alto dos Pinheiros, Bela vista I e II, Belo horizonte I e II, Boa Vista, Bom Pastor, Bouganville, Campos Elíseos, Centro, Imperador, Indaiá, Jardim Áurea, Jardim Corcetti, Jardim Estrela I e II, Jardim Europa, Jardim Indaiá, Jardim Mont Serrat, Jardim Oriente, Jardim Zinoca, Parque das Américas, Parque Ileana, Parque Mariella, Parque Rinaldo, Pinheiros, San Marino, São Geraldo, São Joaquim, São José, São Lucas, Treviso, Vale das Palmeiras, Vila Barcelona, Vila Belmiro, Vila Flamengo, Vila Maristela, Vila Mendes, Vila Monte Castelo, Vila Paiva e Vila Registanea.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *