São Sebastião do Paraíso e microrregião avançam à Onda Amarela do Minas Consciente

Apesar do avanço, governador Romeu Zema pontuou a necessidade da população manter os cuidados para evitar a propagação do vírus.

Redação CSul/Foto destaque: Divulgação Wikipédia

O Governo de Minas Gerais decidiu, nesta quinta-feira (22), que 13 das 14 macrorregiões do Estado poderão avançar à Onda Vermelha do programa Minas Consciente. Por outro lado, a partir da próxima segunda-feira (24), a microrregião de São Sebastião do Paraíso estará liberada para adentrar na Onda Amarela.

Confira como ficará Minas Gerais com a permissão de avanço de várias regiões/Foto: Imprensa-MG

Confira os serviços que funcionam em cada onda:

  • Onda Verde: serviços essenciais, serviços não-essenciais e serviços não-essenciais com alto risco de contágio;
  • Onda Amarela: serviços essenciais e serviços não-essenciais;
  • Onda Vermelha: somente os serviços essenciais.
Orientações para cada fase do programa Minas Consciente/Foto: Divulgação

Todavia, o governador Romeu Zema pontuou a necessidade da população manter os cuidados para evitar a propagação do vírus. “Temos que analisar os resultados técnicos. Entendemos que podemos avançar para a onda vermelha em quase todo o estado, mas é fundamental compreender que a pandemia continua, que todos os cuidados como uso de máscara e higienização das mãos- são necessários, e que só a vacinação é a solução definitiva”, destacou

Segundo o Secretário de Estado de Saúde, o médico Fábio Baccheretti, os índices da pandemia registrados nesta semana indicam uma melhora no cenário. Outro ponto levantado por Baccheretti é em relação à menor fila de pacientes aguardando atendimento. “A redução constante de pacientes aguardando leitos é um fator confiável. Hoje são 211 aguardando UTI no estado, ou seja, há uma clara redução na pressão por leitos”, afirmou o secretário, lembrando ainda que uma quantidade menor de doentes esperando atendimento permite que o Estado volte a movimentar os pacientes por regiões de acordo com a existência de vagas.

Em toda semana, o Comitê Covid se reúne podendo haver mudanças nas normas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.