Caldense no sai do zero contra o Tupynambás e conquista primeiro ponto na Série D

Equipes de Poços de Caldas sofreu com desfalques em decorrência da covid-19.

A Caldense enfrentou o Tupynambás no Estádio Radialista Mário Helênio em Juiz de Fora-MG na noite desta quarta-feira (30). A partida terminou empatada em 0 a 0. Com o resultado, a Veterana somou o primeiro ponto na competição.

Mais uma vez a Caldense sofreu com os desfalques por covid-19. Filipi Sousa e Carlos Eduardo, em isolamento desde a semana passada e Luis Henrique, Léo Rafael e Léo Queiroz, que testaram positivo esta semana, não puderam atuar. Com isso, Marcus Paulo Grippi fez algumas mudanças, inclusive no esquema tático, abandonou o 3-5-2 e passou a usar 4-4-2. A novidade foi a entrada do goleiro João Paulo.

O primeiro tempo extremamente truncado. Muitas faltas, bolas disputadas no alto e ligações diretas por parte das duas equipes. Os únicos lances de ataque dos dois lados eram bolas alçadas na área e jogadas de bola parada.

No segundo tempo, a Veterana deu trabalho pela primeira vez ao goleiro adversário aos 12 minutos, quando Marco Damasceno cobrou de falta de longe. Depois, aos 21, surgiu a melhor chance alviverde na partida. Igor Gomes bateu mascado cruzado, o goleiro soltou e no rebote defendeu novamente.

O Tupynambás pressionou no final da partida, mas o sistema defensivo da Veterana funcionou bem e segurou o placar em 0 a 0. Franklin ainda foi expulso e irá desfalcar o Verdão no sábado (3), quando o time retorna à campo, contra o Gama às 17 horas no Distrito Federal.

Fonte e foto: Renan Muniz/Caldense

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *