• (35) 2105-5555
  • csul@correiodosul.com
  • Rua Marcelino Rezende, 26 - Parque Catanduvas

Peça infantil “A Boneca Emília e o Palhaço Cientista” marca retorno do projeto “Visite o Museu no Primeiro Domingo do Mês”

Ingressos são gratuitos e poderão ser retirados a partir desta quinta-feira (02).

Foto: Fundação Cultural de Varginha

Sucesso de público nos últimos anos, o projeto “Visite o Museu no Primeiro Domingo do Mês” volta neste mês de março com força total para garantir muita diversão e conhecimento às crianças varginhenses.

A primeira peça infantil a ser encenada será “A Boneca Emília e o Palhaço Cientista”, com direção de Marcos Misael e texto de Lindon Lopes e Marcos Misael. A encenação será no domingo (05/02), às 15h.

Os ingressos são gratuitos e poderão ser retirados a partir desta quinta-feira (02/03), no Museu Municipal de Varginha, que está localizado na Praça Governador Benedito Valadares, 141 – centro.

Se o tempo estiver chuvoso, a apresentação será cancelada, uma vez que a apresentação será realizada nos jardins do Museu Municipal e da Biblioteca Pública.

Além da apresentação infantil, o Museu ficará aberto para a visitação pública das 11h às 17h.

A projeto “Visite o Museu no Primeiro Domingo do Mês” é realizado pelo empreendedor cultural Moisés Tadeu Terra. A iniciativa é viabilizada pela Prefeitura de Varginha e Fundação Cultural, por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura, com apoio da Unimed Varginha.

Mais informações pelo (35) 3690-2716.

Sobre a peça infantil

A peça infantil “A Boneca Emília e o Palhaço Cientista” conta a história de uma boneca muito chata e mal-educada que prejudica todos que a cercam. A dona dela ao ver toda essa maldade manda a boneca para o conserto na Fábrica de Sonhos aos cuidados do cientista maluco. Ele é muito sábio e bondoso e consegue transformar todas essas coisas ruins em bondade.

Esse é o intuito da peça ao mostrar que todo mundo poder ser bom com os estímulos certos. No final, com ajuda das crianças a boneca volta ao convívio social com lições de amor, respeito, amizade e companheirismo.

Para o diretor e autor Marcos Misael, o espetáculo destaca o companheirismo como um dos pontos chaves mais importantes que as crianças precisam aprender durante a infância, para desenvolver de forma positiva na vida adulta. O relacionamento entre a família serve como um aprendizado. Por isso, é importante ensiná-los a dividir sempre, e lidar tanto com as igualdades como com as diferenças.

Fonte: Fundação Cultural de Varginha