Novo lote de vacinas vai ampliar vacinação de grupos prioritários; prefeitura de Varginha divulga esquema para pessoas com comorbidades

Prefeitura de Varginha, através da Secretaria Municipal de Saúde, divulgou o esquema municipal para imunização dos grupos prioritários. Conforme a administração municipal, a vacinação para esse público deverá começar na próxima quarta-feira (12), o cronograma de imunização será comunicado nos próximos dias.

Redação CSul – Alisson Marques/Foto: Arquivo Prefeitura de Varginha

Minas Gerais recebeu, na última quinta-feira (6), um novo lote de vacinas para imunização contra o novo coronavírus. Ao todo, 396.500 doses da AstraZeneca chegaram ao estado. As vacinas serão voltadas para pessoas como comorbidades, profissionais de Forças de Segurança e Salvamento, grávidas e mães que acabaram de dar à luz.

Segundo o Programa Nacional de Imunizações – PNI – do Ministério da Saúde, a etapa de vacinação para esses grupos é orientada da seguinte forma:

Na fase I, vacinar proporcionalmente, de acordo com o quantitativo de doses disponibilizado:

  • Pessoas com Síndrome de Down, independentemente da idade (18 a 59 anos);
  • Pessoas com doença renal crônica que realizam diálise independentemente da idade (18 a 59 anos);
  • Gestantes e puérperas com comorbidades, independentemente da idade (18 a 59 anos);
  • Pessoas com comorbidades de 55 a 59 anos;
  • Pessoas com Deficiência Permanente cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC) de 55 a 59 anos.

Na fase II, vacinar proporcionalmente, de acordo com o quantitativo de doses, segundo as faixas de idade:

  • De 50 a 54 anos, 45 a 49 anos, 40 a 44 anos, 30 a 39 anos e 18 a 29 anos;
  • Pessoas com comorbidades;
  • Pessoas com Deficiência Permanente cadastradas no BPC;
  • Gestantes e puérperas independentemente de condições pré-existentes.

Prefeitura de Varginha divulga esquema

A Prefeitura de Varginha, através da Secretaria Municipal de Saúde, divulgou o esquema municipal para imunização dos grupos prioritários. Conforme a administração municipal, a vacinação para esse público deverá começar na próxima quarta-feira (12).

Em comunicado divulgado pela prefeitura, foram citados pessoas com comorbidades – sem especificação, pessoas com deficiência permanente, gestantes e puérperas (mulheres que deram à luz em até 45 dias).

Segundo a prefeitura, o cronograma de vacinação será divulgado nos próximos dias através de boletins emitidos pela administração municipal. Todavia, quem faz acompanhamento médico pelo Sistema Único de Saúde – SUS – deverá usar o cadastro na unidade de saúde em que é atendido, visando comprovar a comorbidade.

Já quem não usa o sistema público, deverá solicitar ao médico laudos, declarações, prescrições médicas, ou relatórios médicos descritivos e o CID da doença ou condição de saúde, CPF ou CNS do usuário, assinado e carimbado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.