Festival Independente “Offcine” tem início hoje totalmente online

Evento consagrará 90 cineastas nacionais.

Redação CSul / Foto destaque: Divulgação

É hora de comemorar, pois teve início o Festival Independente de Cinema “OffCine”, devido a pandemia o evento acontece totalmente online até o dia 31 de junho. O evento é uma realização da produtora Cultural e atriz Marina Azze, o projeto é executado com Recursos do FUNDO Estadual de Cultura, protocolo N 2019.1904.0087/FEC.   

Marina Azze relatou sua satisfação ao retornar com o projeto e salientou a importância da cultura. “O OFFCINE é o filho mais velho dos festivais realizados por nós, ele foi o início de tudo, e através do sucesso que tivemos com ele, expandimos para os demais. Vamos finalizar o ano, com cinco festivais de cinema c. Foi a expertise de realizar o Offcine a tantas edições que tornou tudo isso possível,” disse.

Para a coordenadora do projeto, Vitória Raciane, o Offcine tem como objetivo dar voz ao cinema independente, conforme ela, festival surgiu para que os alunos da MAZ pudessem fazer um intercambio cultural com artistas de fora.

“As oficinas são maravilhosas e gratuitas. Muitos alunos do projeto, em edições anteriores viraram cineastas. É um projeto forte, com uma equipe afinadíssima que está ansiosa para novamente receber artistas do país todo,” relatou.

As inscrições para filmes participantes seguem até dia 10/06. Filmes como curta-metragem, médias, longas e documentários poderão participar. A novidade dessa edição, é que não haverá mais uma sessão Sul de Minas. A organização resolveu abrir uma sessão para Filmes Mineiros com o intuito de revelar cineastas de todo o estado.

“É maravilhoso o que o Offcine faz em relação ao Juri. É algo inédito no Brasil. Quem participa com os filmes, vota nos filmes concorrentes. Quem venceu em edições anteriores também podem votar. Isso faz com que os filmes sejam avaliados por profissionais que fazem o cinema independente acontecer no país,” detalhou, Marcelo Cesar, também produtor do evento.

“Estamos preparando uma plataforma stream segura para que os profissionais vencedores exibam seus filmes com toda segurança. É um festival grandioso, que colocou o Sul de Minas como um polo cinematográfico no país,” disse Lucas Marques, responsável pela plataforma online que exibirá os filmes.

Além do Festival, serão ofertadas sete oficinas cinematográficas online com profissionais do meio e debates. Quem quiser participar basta ficar de olho no site www.offcine.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.