Com alta em casos de síndromes gripais e Covid-19, Varginha amplia atendimento em Unidades Básicas de Saúde

UBS do Santana, bem como as dos bairros Bom Pastor e Canaã, irão prestar atendimento aos casos de síndrome gripal e suspeitas de Covid-19. A medida, conforme a prefeitura, acontece devido à crescente busca de atendimento a gripes e doenças semelhantes, além da alta de registros voltados à Covid-19, o que tem gerado grande fluxo de pacientes na Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Redação CSul/Foto: Reprodução

A Prefeitura de Varginha, através do prefeito Vérdi Melo anunciou, nesta quarta-feira (5) que, já a partir desta quinta-feira (6), mais uma unidade para atendimento às síndromes gripais será ampliada. Desta vez, conforme a prefeitura, a Unidade Básica de Saúde do bairro Santana se juntará, as unidades do Bom Pastor e Canaã – que já estão funcionando – visando atendimento para síndromes de gripe e Covid-19 e, também, a redução do alto número de pacientes na Unidade de Pronto Atendimento (UPA). O horário de funcionamento será de segunda a sexta, das 15h às 21h e aos sábados, das 7h às 17h.

Além da ampliação, profissionais da área médica também serão contratados. A medida, conforme a prefeitura, acontece devido à crescente busca de atendimento a gripes e doenças semelhantes. Ainda de acordo com a administração municipal, Varginha vive, nos últimos dias, uma alta de casos em relação à Covid-19. Somente nesta quarta-feira, 153 novos casos foram confirmados, número maior do que em todo mês de novembro – quando foram confirmados 194 registros.

Visando diminuir o fluxo de pacientes e aumentar a agilidade nos atendimentos, a prefeitura também adotou outra medida. Pacientes encaminhados pelo Samu, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e demais serviços pré-hospitalares serão levados ao Pronto Atendimento do Hospital Bom Pastor e não mais na UPA.

Prefeito pede colaboração da população

Em vídeo divulgado nas redes sociais, o prefeito Vérdi Melo confirmou as mudanças e, além disso, enfatizou o reforço nas contratações de novos profissionais.

O chefe do Executivo também pediu colaboração da população em relação aos cuidados sanitários, tais como, uso de máscara, higienização das mãos e distanciamento. Segundo ele, só assim será possível “vencer este desafio”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.