• (35) 2105-5555
  • csul@correiodosul.com
  • Rua Marcelino Rezende, 26 - Parque Catanduvas

Vereador de Passos é indiciado pela PCMG por crime eleitoral

Esta é a segunda vez que o mesmo vereador é indiciado nos últimos dias.

Foto: PCMG

Em Passos, no Sul do estado, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) indiciou um vereador da cidade por envolvimento no financiamento direto da compra de panfletos com informações falsas em desfavor do então candidato à Presidência da República Luiz Inácio Lula da Silva. Conforme apurado, o parlamentar teria extrapolado o limite da manifestação do pensamento.

A investigação iniciou-se há duas semanas por requisição da Promotoria de Justiça local. Diante dos fatos, a Polícia Civil efetuou o respectivo indiciamento – esta é a segunda vez que o mesmo vereador é indiciado nos últimos dias.

Indícios apontam que o parlamentar teria cometido crime eleitoral previsto no artigo 323 da Lei nº 4.737/1965: “Divulgar, na propaganda eleitoral ou durante período de campanha eleitoral, fatos que sabe inverídicos em relação a partidos ou a candidatos e capazes de exercer influência perante o eleitorado”.

Fonte: PCMG