• (35) 2105-5555
  • csul@correiodosul.com
  • Rua Marcelino Rezende, 26 - Parque Catanduvas

Pedágio sem cancela EPR completa um mês de operação com 46,5% de pagamentos com TAG

Mais de 64 mil veículos já passaram pelo pórtico instalado na MG-459. Índice de inadimplência ficou em menos de 10% no período

Foto: EPR Sul de Minas

O pedágio sem cancela completa um mês de funcionamento na MG-459, em Monte Sião. O balanço feito pela EPR Sul de Minas, concessionária que administra a via, evidencia a boa aceitação pelos usuários do novo modelo de passagem automática e sem necessidade de reduzir a velocidade. Mais de 64.400 veículos passaram pelo pórtico localizado na km 12,7 da MG-459 durante o período. Deste total, 46,5% utilizaram como meio de pagamento a tag (etiqueta eletrônica colado no para-brisas), indicado como o meio mais adequado à cobrança da tarifa e que ainda concede Desconto para Usuários Frequentes, o DUF. No Pedágio sem Cancela, o desconto pode chegar a 72%.

Além da TAG os motoristas contam com mais quatros opções de meios de pagamentos. Dentre estas possibilidades, o uso do aplicativo com cadastro é o de maior destaque. O APP EPR – Pedágio sem Cancela já teve mais de 5.100 downloads e contabilizou mais de 31,6% dos pagamentos. Apenas 3,5% dos pagamentos foram realizados em uma das sete praças de pedágio tradicionais.

O percentual de inadimplência – que ficou em cerca de 9,6% – é considerado abaixo da estimativa no início de operação. Este índice ainda deverá cair na medida em que os usuários adquirirem mais conhecimento sobre a praticidade e vantagens do novo modelo.

“A aceitação da tecnologia é muito positiva. Temos 4.388 CPFs cadastrados, o que demonstra o interesse dos motoristas em se manterem adimplentes com o pagamento da tarifa”, diz, Érica Kawatake – diretora executiva.

A EPR Sul de Minas também mantém colaboradores nos pontos de atendimento para atender os usuários que queiram fazer o pagamento presencial nos totens. “Para apoiar o usuário que não possui tag, temos atendimento presencial nos pontos conveniados, onde é possível contar o apoio da EPR para instalação do aplicativo, cadastro ou realizar o pagamento online. Ou quem preferir também pode entrar em contato pelo 0800 290 0459 para tirar dúvidas”, acrescenta Érica.

Meios de pagamento

O condutor que não tem a etiqueta de cobrança eletrônica (TAG) conta com alternativas para fazer o pagamento:

  1. No site da EPR Sul de Minas www.eprsuldeminas.com.br/freeflow ou no aplicativo “EPR Pedágio Sem Cancela” disponível para sistemas Android e IOS. Se o usuário optar pelo cadastro no site ou no app, além da comodidade de pagar sem sair de casa, ele ainda recebe alertas a cada passagem pelo pórtico para acompanhar suas despesas.
  2. Se preferir, o motorista pode fazer o pagamento com cartão ou pix na Base de Atendimento ao Usuário da EPR, localizada no km 53 da MG-290, pista sentido Borda da Mata ou nos pontos conveniados: Posto Canelão, no km 78,5 da MG-290, pista sentido Jacutinga; e Posto Petro Center, no km 19,8 da MG-459, em Monte Sião, Nikola’s Restaurante – Rua Américo Rossi, S/N, sala 9 – Ouro Fino/MG, Autoposto Santa Fé na Rodovia MG-290 – km 61e Café Caminhos de Minas na Rua Dona Olímpia de Barros Miranda, S/N – Ouro Fino/MG
  3. O usuário pode, ainda, pagar em dinheiro ou cartão em qualquer uma das demais sete praças de pedágio EPR Sul de Minas em operação.

Uso de tag é o mais indicado
O uso da tag é a forma mais prática de pagamento do pedágio sem cancela. Empresas como Sem Parar, ConectCar, Veloe, Move Mais e Greepass, além de instituições financeiras, disponibilizam a etiqueta eletrônica por meio dos seus sites e aplicativos. A recomendação é que o veículo esteja com a tag previamente instalada no para-brisa para que o valor seja faturado automaticamente.

“Sugerimos aos nossos usuários que busquem junto ao seu gerente bancário informações a respeito do fornecimento da tag pela instituição financeira que seja mais adequada a cada um, podendo usufruir do Desconto de Usuário Frequente (DUF)”, indica Érica.

Desconto pode chegar a 72%

Os veículos que passarem pelo pedágio sem cancela poderão ter descontos nas tarifas. Além de trazer mais comodidade, a etiqueta eletrônica gera descontos de até 72% na tarifa para os condutores de veículos leves e não precisa de cadastro junto à concessionária. O Desconto de Usuário Frequente (DUF) funciona da seguinte forma: a partir da segunda passagem do veículo pelo pórtico no mesmo trecho, dentro do mesmo mês, o desconto já começa a ser aplicado, chegando ao valor máximo no 30º dia em que o motorista cruzar o trecho. Por exemplo: quem passar pela rodovia, no mesmo trecho, por 30 dias consecutivos, pagará a tarifa final de R$ 2,56 no fim do mês.

Multas

Caso a tarifa não seja paga em até 15 dias, será considerada “evasão de pedágio”. O proprietário do veículo receberá multa de R$ 195,23, emitida pelo DER/MG, sendo este valor repassado ao Governo do estado. Também serão aplicados 5 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Dúvidas?
Em caso de dúvidas, os usuários podem entrar em contato com a EPR Sul de Minas pelo telefone 0800 290 0459. O canal de atendimento é gratuito e está disponível 24h por dia.

Fonte: EPR Sul de Minas