• (35) 2105-5555
  • csul@correiodosul.com
  • Rua Marcelino Rezende, 26 - Parque Catanduvas

PCMG apura caso de transfobia em Diamantina

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) apurou, em Diamantina, região Central do estado, um crime de transfobia cometido por meio de redes sociais. A vítima, de 28 anos, recebeu em aplicativo de mensagens ofensivas e transfóbicas enviadas por um homem e uma mulher.

As investigações tiveram início no dia três de janeiro deste ano, quando os militares passou a investigar os crimes de injúria qualificada por preconceito de identidade de gênero, difamação e racismo.

Conforme explica a delegada responsável pela apuração, Kiria Orlandi, a vítima recebeu as ofensas supostamente por uma mulher. “Porém, no curso do inquérito policial, descobrimos que a suposta mulher, na verdade, valendo-se de nome falso, e em conjunto com um homem, também investigado, ainda atribuiu, caluniosamente, o crime a outra pessoa”, revelou.

O homem e a mulher responderão à Justiça pelos mesmos crimes e, também, por denunciação caluniosa.

Fonte e foto: PCMG