• (35) 2105-5555
  • csul@correiodosul.com
  • Rua Marcelino Rezende, 26 - Parque Catanduvas

Minas Gerais lidera crescimento do turismo no Brasil e Poços de Caldas se destaca como polo turístico

Setor Turístico Mineiro Impulsiona Economia do Estado

Foto: Prefeitura de Poços de Caldas

O estado de Minas Gerais desponta como líder no crescimento do turismo no Brasil, conforme o Índice de Atividades Turísticas (Iatur) divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A variação mineira atingiu notáveis 24,3%, superando consideravelmente a média nacional. Não apenas o número de turistas aumentou, mas a receita nominal também registrou expressivo crescimento, atingindo 34,9%, o que destaca a relevância do setor para a economia estadual. Em 2023, aproximadamente 31 milhões de turistas visitaram Minas Gerais, injetando cerca de R$ 34 bilhões na economia local.

O município de Poços de Caldas encerrou o ano de 2023 consolidando-se como um dos principais destinos turísticos do Brasil, contribuindo significativamente para o destaque do estado no cenário nacional. A movimentação recorde não apenas impulsionou o setor turístico, mas também beneficiou a economia local, refletindo as políticas de descentralização implementadas pelo Governo de Minas, através da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais, e do programa Mais Turistas. Esse programa adota medidas para fortalecer o turismo em todo o estado, gerando empregos e incrementando a renda da população. Minas Gerais manteve um crescimento constante ao longo do ano, alcançando um pico de 720% acima da média nacional em abril.

Um fator crucial para o sucesso turístico de Poços de Caldas é o modelo inovador de concessão de atrativos turísticos implementado pela Prefeitura em parceria com a empresa Circuito Integrado do Turismo de Poços de Caldas (Citur). Em vigor desde março, o contrato assegura a revitalização, manutenção e operação de destinos turísticos importantes pelos próximos 35 anos. O Complexo do Cristo Redentor, Fonte dos Amores, Recanto Japonês e Complexo Véu das Noivas estão entre os locais beneficiados por esse modelo de concessão, que equilibra interesses privados com a preservação de bens públicos e recursos naturais.

O secretário de Turismo de Poços de Caldas, Israel Pereira, destacou a realização de diversos eventos ao longo do ano, como Carnaval, Arraiá, Natal Poços de Luz, Réveillon, eventos corporativos, campeonatos esportivos e o tradicional Festival de Inverno. Essas iniciativas visam não apenas atrair turistas, mas também estimular a economia local durante todos os meses do ano, proporcionando novas experiências tanto para os moradores quanto para os visitantes.

Além disso, o Brasil alcançou uma notável ascensão no ranking global de países mais seguros para viajar em 2024, subindo 27 posições e ocupando agora a 15ª posição. Esse avanço é atribuído aos investimentos em segurança pública e turística realizados pelo governo brasileiro, refletindo o compromisso em oferecer uma experiência segura para os visitantes.

Para o prefeito Sérgio Azevedo, as projeções para 2024 são ambiciosas, visando superar os números anteriores e manter Poços de Caldas em constante destaque. O foco está em impulsionar o turismo, fortalecer a rede hoteleira e gerar mais empregos no município, contribuindo assim para o contínuo desenvolvimento da região.

Fonte: Prefeitura de Poços de Caldas