Macrorregião Norte regride e Estado têm 11 das 14 regiões na onda vermelha do Minas Consciente

Microrregiões de Itabira, João Monlevade, Além Paraíba, Juiz de Fora e Santos Dumont poderão avançar para a onda amarela a partir de sábado (8).

A macrorregião de Saúde Norte vai regredir para a onda vermelha do Minas Consciente a partir de sábado (8), plano criado pelo governo para retomada segura e gradual da economia. Com isso, 11 das 14 macrorregiões mineiras seguem na fase vermelha, etapa que permite o funcionamento de todas as atividades econômicas desde que cumpram regras como maior distanciamento e limitação máxima de pessoas. As regiões Triângulo do Norte, Vale do Aço e Jequitinhonha seguem na onda amarela.

A decisão foi tomada nesta quinta-feira (6) pelo Comitê Extraordinário Covid-19, grupo que se reúne semanalmente para avaliar a situação da pandemia no estado e conta com integrantes da Assembleia Legislativa, do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, do Ministério Público, da Associação Mineira dos Municípios e da Defensoria, entre outros órgãos.

O grupo também deliberou pela progressão para a onda amarela das micros de Itabira e João Monlevade, na região Central, e das de Além Paraíba, Juiz de Fora/Lima Duarte e Santos Dumont, na região Sudeste.

Já as micros de Araçuaí e Diamantina/Serro, no Jequitinhonha, Patos de Minas/São Gotardo, na região Noroeste, Brasília de Minas/São Francisco/Januária, na região Norte, e Muriaé e Ubá, na região Sudeste, que estão na onda amarela, voltarão para a fase vermelha do plano a partir de sábado após apresentarem piora nos índices da doença.

Fonte: Agência Minas/Foto: Divulgação Imprensa-MG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.