• (35) 2105-5555
  • csul@correiodosul.com
  • Rua Marcelino Rezende, 26 - Parque Catanduvas

Avós dos alunos do Colégio Travessia voltam à sala de aula em projeto da escola

Durante as primeiras semanas do mês de agosto, os avós dos alunos da Educação Infantil puderam visitar a instituição e interagir com os netos em sala de aula.

Foto: Divulgação UNIS

A fim de valorizar a importância dos avós no processo de educação das crianças, bem como contribuir com o resgate de tradições e da cultura regional, o Colégio Travessia promoveu o projeto Encontro de Gerações.

Durante as primeiras semanas do mês de agosto, os avós dos alunos da Educação Infantil puderam visitar a instituição e interagir com os netos em sala de aula. Durante o encerramento do projeto, as famílias participaram de um momento de confraternização.

Possivelmente, você se recorda de alguma brincadeira ou atividade que aprendeu com seus avôs. Alguns de nós tivemos a oportunidade de experimentar jogos e passatempos ao lado do vovô ou da vovó, que eles aprenderam na infância. Cantigas, histórias, receitas. Algumas dessas atividades podem ter sido esquecidas ao longo dos anos e, talvez, estavam longe do conhecimento dessa geração.

Entre os dias 05 e 15 de agosto, o Colégio Travessia abriu as portas para que os avós voltassem à sala de aula, desta vez, para ensinar os pequeninos. “Eles são parte da história desses alunos e dispõem de muito conhecimento e vivência. Ao incluí-los em um projeto, estamos reconhecendo a importância de cada um na formação dos netos e netas. Para a criança, ter os avós em sala de aula é motivo de orgulho e admiração. Temos muito o que aprender com eles”, explica a diretora do Colégio Travessia, Profa. Vanessa Evangelista.

Avô e avó também são sinônimos de comida boa! Além de apresentarem receitas culinárias aos estudantes, eles participaram do encerramento com um delicioso banquete. O evento aconteceu no dia 16 de agosto, na Adega Cafeteria. “O Colégio Travessia é uma instituição que acolhe a família. A parceria família-escola faz parte do nosso projeto pedagógico, pois acreditamos que o desenvolvimento integral do estudante precisa estar amparado por todos que convivem com eles.”, explica Vanessa.

Fonte: UNIS