• (35) 2105-5555
  • csul@correiodosul.com
  • Rua Marcelino Rezende, 26 - Parque Catanduvas

2º Festival do Queijo Mantiqueira de Minas é realizado em Itamonte

A programação inclui seminários, cursos, palestras, oficinas e outras atividades gratuitas

Foto: Sistema Faemg Senar

Se você é apaixonado por queijo prepare-se para um festival de sabores. Entre os dias 16 e 19 de maio, o parque de eventos José de Oliveira Mota, em Itamonte, será palco do III Festival do Queijo Mantiqueira de Minas, organizado pela prefeitura, e do 2º Festival Regional do Queijo Artesanal Mantiqueira de Minas, uma realização da Associação dos Produtores do Queijo Artesanal da Mantiqueira de Minas (Apromamm), com apoio do Sistema Faemg Senar e Sindicato Rural de Itamonte. Ambos os festivais terão uma programação diversificada e repleta de delícias regionais.

O evento busca valorizar os produtores rurais da cidade, oferecendo aos visitantes boa gastronomia, música e atrações para toda a família. A programação inclui seminários, cursos, palestras, oficinas e outras atividades gratuitas organizadas pelo Sistema Faemg Senar em parceria com o Sindicato Rural de Itamonte.

“O II Festival do Queijo da Mantiqueira, que aconteceu em 2023, foi um evento muito marcante. Tivemos provas sensoriais e avaliações que demonstraram queijos de extrema qualidade e todo o potencial de Itamonte na fabricação do queijo artesanal da Mantiqueira. Para esta edição, a expectativa é ter ainda mais queijos com alto padrão de qualidade e que exprimem todo o profissionalismo e paixão que os produtores empregam na fabricação de seus produtos”, explicou o gerente regional do Sistema Faemg Senar em Varginha, Caio Oliveira.

Maior queijo festival

Um dos eventos de destaque do último ano do festival foi o recorde do maior queijo, produzido por Renato Almeida Fonseca e Alexandre José da Fonseca, da Queijaria Dom Carmelo. Atendidos pelo ATeG Agroindústria, eles produziram um queijo com 500 litros de leite, que chegou a pesar 49kg. Para este ano, Renato e Alexandre pretendem bater o próprio recorde: produzir um queijo de 90kg, com 900 litros de leite, com o apoio do programa de Assistência Técnica.

Valorização

O Festival do Queijo Mantiqueira de Minas contará este ano com 37 produtores atendidos pelo ATeG Agroindústria prontos para participarem do Concurso Municipal Mantiqueira de Minas. Além disso, um grupo desses produtores também vai competir no concurso regional, organizado pela APROMAMM, que, pela primeira vez, será sediado em Itamonte durante o festival.

A Queijaria Dom Carmelo foi a campeã no concurso em 2023, liderando na categoria Queijos Grandes com 30 a 90 dias. Para Alexandre, um dos responsáveis pela queijaria, a orientação técnica do ATeG foi fundamental para o sucesso em sua produção: “A técnica de campo levantou a qualidade dos queijos, por meio do controle da qualidade da água, enriquecimento do teor de gordura e proteína no leite, redução da contagem de células somáticas e diminuição do nível bacteriano. Sendo assim, tivemos um rendimento em queijo e, consequentemente, uma maior rentabilidade da propriedade. Começamos a participar dos concursos e temos nos destacados com grandes prêmios, como a medalha de ouro no concurso internacional do queijo artesanal em Araxá, em 2022, além de outros concursos regionais”, contou.

A técnica de campo Thaís Antunes enfatiza a importância dos concursos para aumentar a visibilidade dos pequenos produtores: “Participar desses eventos permite que o produtor exponha seus produtos e obtenha uma melhor avaliação. Mesmo que não ganhe uma medalha, a avaliação recebida pós-concurso é fundamental, pois, com isso, podemos direcionar nosso trabalho para aprimorar ainda mais a qualidade”, explicou.

Fonte: Sistema Faemg Senar