• (35) 2105-5555
  • csul@correiodosul.com
  • Rua Marcelino Rezende, 26 - Parque Catanduvas

Presidente da Ucrânia diz a Davos que mundo enfrenta ponto de virada

Ele discursou na aberturado Fórum Econômico Mundial

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelenskiy, disse nesta segunda-feira (23) na reunião de líderes empresariais, em Davos, que o mundo enfrentou um ponto de inflexão e teve que aplicar sanções contra a Rússia como um aviso para outros países considerando o uso da força bruta.

“A história está num ponto de virada… Este é realmente o momento em que se decide se a força bruta governará o mundo”, disse Zelenskiy em um discurso para o Fórum Econômico Mundial, evento do qual participam lideranças empresariais de todo o mundo.

A Ucrânia está no topo da agenda do Fórum. “Esta é a plataforma econômica mais influente do mundo, onde a Ucrânia tem algo a dizer”, disse o presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskiy, em seu discurso diário em vídeo no domingo (22) à noite.

A reunião ocorre após um hiato de mais de dois anos devido à pandemia de covid-19. Mas não só o clima é diferente em 2022, com políticos, executivos e acadêmicos russos totalmente ausentes.

Instituições russas, como seu fundo soberano de riqueza, bancos estatais e empresas privadas, deram em anos anteriores algumas das festas mais brilhantes, servindo caviar, champanhe e foie gras.

Além da crise da Ucrânia, estão na pauta das discussões em Davos a recuperação pós-pandemia, o enfrentamento da mudança climática, o futuro do trabalho, a aceleração do capitalismo e o aproveitamento de novas tecnologias.

Fonte: Agência Brasil / Foto: REUTERS/Arnd Wiegmann