Na semana do futebol, Boa Esporte realiza exposição no Via Café Garden Shopping

O treinador Gabardo Júnior e o atacante Lucas Coelho estiveram no evento; ambos comentaram o que esperam para o jogo deste domingo (25), diante da Ferroviária-SP.

Redação CSul – Alisson Marques/Foto destaque: Divulgação Via Café Garden Shopping

Em virtude do Dia do Futebol, comemorado na última segunda-feira (19), o Boa Esporte está realizando, até o próximo dia 30, uma exposição de troféus, camisetas, além de um pouco da história do clube para seus torcedores. O acervo foi montado no Via Café Garden Shopping, em Varginha. A entrada no local é gratuita.

Exposição ficará no Via Café Garden Shopping até o próximo dia 30/Foto: Divulgação Via Café

Nesta quinta-feira (22), o treinador Gabardo Júnior e o atacante Lucas Coelho estiveram no shopping e acompanharam a exposição. “Prazer estar aqui, nesta exposição do Boa. Estou muito feliz” – disse Lucas.

Sobre o momento, o atacante, que á artilheiro da equipe na Série D, ressaltou a confiança do clube de Varginha em seu trabalho. “A minha adaptação foi bem rápida. Com as condições de trabalho que encontrei aqui, fiquei muito feliz e motivado. Infelizmente acabei perdendo os dois primeiros jogos (devido à lesão), mas quando entrei consegui dar o meu melhor, consegui ter um bom início e fazer os gols. Sou muito grato ao Gabardo (treinador) e ao Boa, que confiaram no meu trabalho” – comentou o atacante.

Próxima rodada

Na próxima rodada, o Boa encara a Ferroviária, fora de casa. A partida está marcada para domingo (25), às 15h, na Fonte Luminosa, em Araraquara-SP.

Sobre o adversário, Gabardo Júnior comentou as dificuldades que a Coruja terá, principalmente sem seus dois laterais titulares, já que Raul está lesionado e Iago suspenso. “São dois desfalques bem importantes, são meninos que vinham dando uma sequência muito boa na equipe. É uma arma que a gente tinha. Nossos gols geralmente saem pelo lado do campo”.

Sem Raul e Iago, Gabardo indicou que, Gabriel Pinheiro – que atuou como lateral no jogo contra a Ferroviária – pode ser mantido e/ou Douglas Pelé possa começar entre os titulares. “Treinamos duas situações. Manter o Gabriel, que foi muito bem no primeiro jogo e, também, treinamos o Douglas Pelé na primeira linha, que também faz a função de lateral, apesar de ser mais ala do que propriamente lateral”. Já pelo lado esquerdo, quem deverá começar jogando é Alyson Santos, segundo o comandante do Boa Esporte.

Novas possibilidades

Gabardo ressaltou, também, algumas possibilidades de mudanças na equipe, principalmente no meio-campo. Para o jogo de domingo, de acordo com ele, a equipe terá a volta de Romeu, que pode sair entre os titulares. Outra possibilidade, é recuar, novamente, Aruá para a função de volante.

“Achei que pecamos muito no passe nesse último jogo. Isso dificultou muito nossa construção de meio. A ideia é não mexer muito. Vamos estudar e ver o que podemos fazer, se começamos com dois volantes de contenção ou recuamos o Aruá e possibilitamos a entrada de outro meia (…) Ainda não temos, de forma clara, quem iniciará, mas sim a ideia de jogo”.

Em relação a armação da equipe – que foi muito criticada no jogo contra a Ferroviária – Gabardo comentou sobre dois jogadores aptos a fazer essa função, Nicholas e Marcelinho.

“O Marcelinho tem uma lesão, infelizmente uma lesão um pouco grave. Ele não é, de origem, um camisa 10. Ele é um jogador de lado e aqui no Boa adaptamos ele nessa função”. Já sobre Nicholas, Gabardo destacou a oscilação do jogador, principalmente pela idade e ressaltou que, a não convocação para o jogo do último sábado, contra a própria AFE, ocorreu devido à uma semana ruim de treinamento.

Outra posição que ainda está aberta na equipe titular do Boa Esporte é o lado direito do ataque. Atualmente entre os 11, Fabinho vem sendo muito criticado e, além disso, viu Vágner entrar muito bem nos dois últimos jogos. Para Gabardo Júnior, a escalação irá de acordo com a estratégia da equipe para o jogo.

“Fabinho é um menino que cumpre uma função tática muito importante para a equipe. Ele dá o equilíbrio que precisamos no setor meio e ataque.” Temos a opção do Vágner, que entrou muito bem e o Douglas Pelé, que quando atuou na segunda linha, também foi muito bem. Então é questão de estratégia.”

Ferroviária e Boa Esporte abrem, neste domingo, o returno da Série D do Campeonato Brasileiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.