• (35) 2105-5555
  • csul@correiodosul.com
  • Rua Marcelino Rezende, 26 - Parque Catanduvas

Espetáculos de Varginha participam da Flavir em Lambari

Apresentações podem ser acompanhadas online.

Duas atrações infantis realizadas pela Cia Sagitarius de Teatro de Varginha fazem parte da V Feira Literária das Águas Virtuosas (FLAVIR), que seguem até 16 de maio.

A primeira é o espetáculo infantil educativo “Teleco e Popoca – Em Defesa da Natureza” e será apresentado nesta quinta-feira (13), às 14h. A peça mostra divertida a questão da poluição do planeta e a responsabilidade que nós humanos temos em relação aos cuidados do meio ambiente.

A segunda atração que também promete prender a atenção dos pequeninos é a contação de histórias intitulada “Madame Pink Conta Histórias”, que será exibida na sexta-feira (14), às 10h30. A atriz mostra de forma lúdica a história de uma boneca que vira gente e conta histórias de menina que virou boneca.

No elenco estão os atores Lindon Lopes e Malu Silva, com direção de Marcos Misael e Expedito Gonçalves Dias. Os figurinos foram assinados por Márcio Menta, Lindon Lopes e Marcos Misael. As cabeças do espetáculo foram criadas especialmente por Maristela Funchal, Augusto Oliveira e Ronaldo Regio. Os bonecos fantoches foram confeccionados por Neiva Paes e manipulados pela Kramer Produções. Os adereços de cena são de Tadeu Terra e a filmagem de ambos espetáculos foi viabilizadas por NPires Carioca.

O público poderá assistir aos espetáculos pelo canal do YouTube Estação Mercado do Livro ou ainda pelo site www.flavir.org. A V FLAVIR é realizada pela Livraria Estação Mercado do Livro, com apoio do Centro Cultural Vagão 98 e parceiros. O evento é custeado com recursos da Lei Aldir Blanc, destinados pela Secretaria de Cultura do Estado de Minas Gerais.

A programação, que oferecerá gratuitamente mais de 40 atrações artísticas e culturais de forma totalmente online, foi construída em parceria com artistas e instituições das cidades mineiras de Cambuquira, Caxambu, Lambari, São Lourenço, Três Corações e Varginha.

Fonte e foto: Fundação Cultural de Varginha

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.