Ventilador, um campeão de vendas no verão da crise

Expectativa é terminar o mês de janeiro com crescimento de dois dígitos nas vendas dos ventiladores.
Expectativa é terminar o mês de janeiro com crescimento de dois dígitos nas vendas dos ventiladores.

No calorão da crise, o consumidor está deixando de lado o ar-condicionado e apostando em modelos mais baratos de ventiladores. Com o bolso apertado, a maioria não quer desembolsar para refrigerar a casa e ainda encarar uma conta de luz mais salgada. Para os consumidores os itens preferidos são os mais em conta, na faixa de R$ 74,90, mas também podem chegar a R$ 169.

Segundo os comerciantes, expectativa é terminar o mês de janeiro com crescimento de dois dígitos nas vendas dos ventiladores, quando comparadas ao mesmo período do ano passado. Sabendo da situação financeira difícil do consumidor, há também as lojas que apostam em promoções dos itens mais caros para tentar conquistar o consumidor e impulsionar as vendas; no mês de outubro,  ar-condicionados estavam em média R$1.200 hoje, pelo aumento da procura, você encontra o mesmo produto por R$900,00, uma queda de 25%.

Previsão

O calor na região terá uma queda nesta semana, devido as áreas de instabilidade que estão atuando no Sudeste do Brasil. Em Varginha, de acordo com o Clima Tempo, a previsão para esta semana, é de máxima de 31º  e mínima de 17º.  Nesta terça-feira (10), o tempo pode ficar parcialmente nublado, e com a  umidade relativa do ar  em torno dos 65%, podendo chegar aos 45%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *