Pré-candidatos ao Governo e Senado de Minas visitam redação do CSul

Na manhã desta quinta-feira (24), João Batista Mares Guia, pré-candidato ao Governo de Minas Gerais visitou a redação do CSul, acompanhado do pré-candidato ao Senado, Kaká Menezes.

Os candidatos foram recebidos pelo diretor superintendente/editor chefe, Antônio Carlos Médes Campos, quando em um debate informal com a equipe do Correio do Sul, apresentaram ideias e projetos que serão desenvolvidos em suas possíveis gestões.

João Batista, irmão do ex-senador e ex-ministro Walfrido Mares Guia, é sociólogo, ex-professor da UFMG, secretário-adjunto e secretário de Estado da Educação de Minas Gerais (1995-1998).  A partir de 1979, dedicou-se à formação do Partido dos Trabalhadores (PT). Em 1988, participou da formação do PSDB, em Minas, juntamente com as lideranças nacionais de Fernando Henrique Cardoso (FHC), Franco Montoro e Mário Covas. Atualmente, ele é consultor em educação básica pública há 20 anos. Já realizou diversos trabalhos em países da América Latina, dois do continente africano e contribuições para secretarias de educação de vários municípios e estados brasileiros. Já colaborou também para o Banco Mundial e Fundação Roberto Marinho. Em 2017, a convite de REDE Sustentabilidade, decidiu aceitar o desafio de concorrer ao Governo de Minas, nestas eleições.

“Aos 70 anos de idade, candidato-me para liderar Minas Gerais no enfrentamento e superação da situação de falência fiscal e financeira a que fomos submetidos; para promover uma revolução na educação básica e resgatar a polícia pública de colaboração entre o Estado e Município; retomar o crescimento econômico e assegurar o desenvolvimento econômico e social sustentável; realizar uma profunda reforma republicana e democrática do Estado e do governo e, sobre uma nova base de ideias e de valores e propósitos; implantar um novo modelo de governança regionalizada e participativa. Corrupção, nunca mais; governadores réus processados pela lei penal, por crimes de corrupção e de lavagem de dinheiro, nunca mais”, afirmou a equipe de reportagem do CSul, João Batista Mares Guia.

Já Carlos Eduardo Braga, conhecido como Kaká Menezes é ex-jogador de basquete profissional e atualmente é porta voz estadual da REDE Sustentabilidade em Minas Gerais. Além disso, Kaká é ex-secretário do Esporte e Lazer da cidade de Contagem e ativista social. Foi fundador da comunidade “Ele Chama”, que lida com o tratamento ao dependente químico, prevenção ao uso abusivo de drogas e reintegração social.

Ambos são pré-candidatos ao lado de Marina Silva, que está concorrendo à Presidência da República. Eleita pelo povo do Acre, Marina foi senadora por dois mandatos. Ministra do Meio Ambiente, alcançou, por méritos, prestígio e reconhecimento internacional. Professora de História, Marina alfabetizou-se aos 19 anos. Autodisciplina, perseverança, esperança na ação e coragem moral são marcas humanas da pré-candidata.

Redação CSul – Ana Luisa Alves

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *