Ponto facultativo de Carnaval é cancelado no comércio Varginha

Devido à medida, estabelecimentos comerciais irão funcionar normalmente nos dias 15, 16 e 17 de fevereiro.

Redação CSul/Foto destaque: Arquivo/CSul

Em reunião realizada nesta quinta-feira (4), entre o Sindicato do Comércio Varejista de Varginha (Sindvar), Sindicato dos Empregados do Comércio de Varginha e Região (Sindcomerciários) e a Associação Comercial de Varginha (ACIV), ficou definido o cancelamento do ponto facultativo comercial no Carnaval em Varginha, ou seja, o comércio irá funcionar normalmente nos dias 15, 16 e 17 de fevereiro.

A ação tem como finalidade evitar aglomerações e frear o aumento da covid-19 na cidade. Com o relaxamento durante as festividades de fim de ano houve um aumento de mais de 100% no número de casos positivo de coronavírus em Varginha, em relação a dezembro e o número de óbitos também foi considerável: 22 mortes decorrentes da Covid-19.

“O cenário atual mostra claramente que a desobediência ao uso de máscaras e aglomerações teve um efeito muito prejudicial. Estamos colhendo os frutos da irresponsabilidade e falta de cuidados dos cidadãos e nos sentimos na obrigação de uma atitude mais enérgica. Sabemos que o Carnaval é aguardado com expectativa, mas as pessoas precisam se lembrar que estamos vivendo um momento atípico com a pandemia e, para melhorar a situação, todos temos que fazer sacrifícios”, explica Aureliano Zanon Alves, presidente do Sindvar.

Governo Municipal e Estadual também cancelaram ponto facultativo no Carnaval

No último dia (21), Varginha, através de decreto, já havia definido o cancelamento do ponto facultativo no Carnaval – que ocorrerá, neste ano, entre os dias 12 e 17 de fevereiro. Segundo o prefeito Vérdi Lúcio Melo, na segunda-feira (15), o setor público municipal funcionará normalmente. Já na terça (16), está mantido o feriado e na quarta (17), o recesso acontece até às 12h.

Entrevista realizada no pátio da Prefeitura Municipal, contou com presenças do vice-prefeito, Leonardo Ciacci (à direita) do Secretário Municipal de Saúde, Luiz Carlos Coelho (centro), além de Vérdi Melo (à esquerda)/Foto: Reprodução CSul

Segundo o prefeito de Varginha, Vérdi Lúcio Melo, a decisão é uma forma de conter viagens, já que o comércio estará funcionando.

Vale ressaltar que, oficialmente o Carnaval não é considerado feriado nacional, a data tem ponto facultativo e a definição fica a critério de estados e municípios.

Em Minas Gerais

Uma semana após Varginha definir o cancelamento do ponto facultativo, Romeu Zema, governador de Minas Gerais, decidiu, também, por não conceder ponto facultativo nos dias do Carnaval de 2021. Assim, nos dias 15, 16 e 17 de fevereiro haverá expediente regular. 

Horas trabalhadas serão compensadas

Haverá compensações por conta do recesso cancelado. Para a segunda-feira (15), haverá concessão de uma folga a ser tirada em até 120 dias. Para a terça-feira (16), uma folga em até 90 dias; e para a quarta-feira (17), concessão de duas (2) horas de folga em até 90 dias. As folgas deverão ser negociadas entre patrões e colaboradores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.