Pássaros sem licenças são aprendidos pela Guarda Civil Municipal

A multa ultrapassa os R$ 8 mil reais

Nesta quinta-feira (14), o Grupamento de Meio Ambiente, da Guarda Civil Municipal, foi atender uma ocorrência de queimada irregular em Varginha. Ao chegar no local, foi constatado que o proprietário de uma casa tinha limpado seu quintal e colocado fogo.

Após ele apagar as chamas, os guardas encontraram várias gaiolas de passarinhos e o proprietário alegou que era criador e que teria a licença, porém no local havia 11 gaiolas com passarinhos, entre coleirinhas e trinca-ferro, porém ele apresentou licença somente de cinco e os outros seis passarinhos ele relatou que teria capturado no fundo de sua casa.

O homem foi preso e conduzido para a Delegacia da Polícia Civil. Foi lavrada multa de acordo com a Lei 9.605/98, de crimes ambientais, no valor de R$ 8.350,65. Em seguida, os pássaros foram levados para Polícia Militar Ambiental, onde passaram pelo veterinário e se serão devolvidos a natureza e as gaiolas destruídas.

Por se tratar de crime de menor potencial ofensivo, o homem foi liberado.

Fonte: Minas Acontece / Fotos: GM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *