Paróquias de Varginha celebram Semana das Dores de Maria

“Ele sofreu a Paixão, Ela a Compaixão”.

Domingo (18) se inicia, para os católicos, a Semana das Dores, que antecede a Semana Santa. Celebra-se a compaixão e a piedade de Maria, os momentos cruciais e martirizantes que ela viveu ao lado de Jesus, suas 7 dores, cujo ponto mais alto se deu no momento da crucifixão de Jesus.

As dores contempladas são as de Maria, mãe de Jesus, mas, representam as dores de muitas outras mães. O objetivo da Igreja é que as Dores de Nossa Senhora comovam o coração dos fieis, impulsionando-nos para a prática do bem. Uma semana importante para a fé cristã, onde se relembra, passo a passo, o caminho da mãe do Salvador, seus sofrimentos e angústias, as dores que suportou seu coração.

A devoção a Nossa Senhora das Dores é das mais ricas. A devoção às Sete Dores de Maria teve origem de modo especial na Ordem dos Servitas, ou Servos de Maria. Por suas Dores Ela nos ensina que se chega à perfeição cristã pelo sofrimento aceito com fé, paciência, e oferecido a Deus como “matéria prima” da salvação e profunda comunhão com Deus. “Contemplar as lágrimas de Maria nos consola”.

Resultado de imagem para Ele sofreu a Paixão, Ela a Compaixão.

As 7 dores

1ª dor: Maria acolhe a profecia de Simeão (Lucas 2, 33-35)

2ª dor: A fuga da Sagrada Família para o Egito (Mateus 2, 13-15)

3ª dor: A perda do Menino Jesus no Templo (Lucas 2, 43-52)

4ª dor: O encontro de Maria e Jesus a caminho do Calvário (Lucas 23, 25-31)

5ª dor: Maria assiste ao sofrimento e morte de Jesus na Cruz (João 19, 23-28)

6ª dor: Maria recebe o corpo do filho tirado da Cruz (Lucas 23, 50-56)

7ª dor: Maria observa o corpo do filho a ser depositado no Santo Sepulcro (Lucas 23, 54-56)

Resultado de imagem para imagem de nossa senhora das dores chorando

Varginha

Em Varginha, as paróquias prepararam programações especiais para o decorrer da semana. A semana das Dores se inicia domingo (18) e se encerra sábado (24). A cada dia, uma das 7 dores de Maria é relembrada e celebrada pelos fieis e uma pregação é preparada pelos sacerdotes.

Mártir São Sebastião: Celebração da Santa Missa todos os dias, às 19 horas, na Matriz do Mártir. Cada dia um sacerdote convidado presidirá a celebração.

Paróquia São José: Celebração da Santa Missa no domingo (18) às 18 horas, de segunda a sexta às 19 horas e no sábado (24) às 17 horas, na Matriz de São José.

Paróquia de Fátima: No domingo (18), Meditação do terço às 17:30 e Celebração da Santa às 18 horas. No sábado, o encerramento será às 19 horas na Matriz de Nossa Senhora de Fátima. Confira toda programação no folder, disponível no escritório paroquial.

Paróquia Frei Galvão: Todos os dias, celebração da Santa Missa, às 19 horas, na Matriz Santo Antônio de Sant’Anna Galvão.

Paróquia Cristo Luz dos Povos: Todos os dias, celebração da Santa Missa, às 19h30min, na Matriz de Nossa Senhora Aparecida, no Cidade Nova.

Paróquia Rosário: Celebração da Santa Missa, todos os dias, às 7 horas (manhã), e as 07h30min Momento Devocional a Nossa Senhora das Dores, na Matriz de Nossa Senhora do Rosário. Na sexta (23), Via Sacra Luminosa em todas as comunidades da Paróquia.

Paróquia Imaculada: A cada dia a celebração da Santa Missa será em uma das comunidade da Paróquia da Imaculada, às 19h30min. Confira no folder, disponível nas comunidades, a programação completa.

Para saber a programação da Semana das Dores na Paróquia de Santana, procurar o escritório paroquial ou pegar um folder disponível nas comunidades da Paróquia.

A Matriz do Divino Espírito Santo informou que a programação da Semana das Dores e Semana Santa será entregue nas missas de hoje (17) e amanhã (18).

Todas as paróquias da cidade estarão atendendo confissões durante a Semana das Dores e Semana Santa. Qualquer dúvida entre em contato com os escritórios paroquiais.

Resultado de imagem para Paroquia do imaculada varginha

Redação CSul / Iago Almeida / Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *