Para revitalização do Centro, Varginha recebe verba de mais de R$ 1 milhão

A Associação Comercial de Varginha- ACIV realizou na manhã desta quinta-feira (11) uma “Reunião Extraordinária” para discutir o futuro da revitalização do Centro de Varginha. A reunião atende a demanda de vários associados insatisfeitos com o estado de conservação das ruas e calçadas. Sendo assim, a ACIV convidou o comércio por meio de uma carta para tratar do assunto junto aos representantes do poder público.

Na reunião estavam presentes o presidente da Aciv, Anderson de Souza Martins; o vice-presidente da associação, Wagner de Brito Pio; o secretário José Manoel Magalhães, responsável pela Secretaria de Planejamento Urbano; o secretário Barry Charles, encarregado pela Secretaria de Turismo e Comércio; o presidente da Câmara Municipal de Varginha, Leonardo Ciacci; e o vereador Zacarias Piva.

No encontro foi informado que já está liberada a verba, conquistada por meio de emenda parlamentar de autoria do deputado federal Dimas Fabiano, de mais de R$ 1 milhão, que será investida no projeto de revitalização. O valor já está na conta da Caixa Econômica Federal, aguardando apenas o processo licitatório para dar início às obras.

Proprietários de lojas se posicionaram sobre o assunto. O empresário e diretor da ACIV, Roberto Figueiredo, preocupado com a situação atual em que se encontram as ruas e calçadas do centro comercial, além da falta de opção de conforto que o consumidor pode desfrutar durante suas compras e, sabendo que o projeto de revitalização promovido pelo poder público não contemplaria todas as áreas do centro, sugeriu uma parceria público-privada, com incentivos fiscais por parte do poder publico para incentivar o empresário e/ou proprietário a investir na revitalização.

Comerciante em Varginha há 54 anos e vice-presidente da ACIV, Wagner de Brito Pio, colocou problemas que o centro sofre e falou sobre a importância do comprometimento do Executivo com o comércio. “É necessário que o Poder público se conscientize e assuma, de fato, uma posição para que a obra seja concretizada”.

O secretário de Turismo e Comércio, Barry Charles, disse que entende as dificuldades que os comerciantes passam e reafirmou que a iniciativa de uma parceria público-privada é ideal para se obter um centro comercial como todos querem.

O presidente da Câmara, Leonardo Ciacci pontuou as diferenças da administração privada com a pública para mostrar as dificuldades encontradas para dar início ao projeto de revitalização. Ele destacou ainda os esforços da prefeitura e do deputado Federal Dimas Fabiano para liberação da verba que aconteceu em agosto em 2017. “Esse é um anúncio muito importante, pois foram longos anos de trabalho para que esse projeto saísse do papel. Inclusive fomos duas vezes a Brasília para conquistar essa verba e graças ao deputado Dimas Fabiano, que até foi pessoalmente à sede da Caixa para agilizar a liberação da verba, esse sonho antigo, de construirmos um shopping a céu aberto no centro de Varginha, virará realidade. Eu trabalho nesta iniciativa há 15 anos, sempre batalhando por essa conquista que não é só dos lojistas, mas de toda a população de Varginha”, disse Ciacci.

Fonte: ACIV

Segundo o secretário de Planejamento Urbano, José Manoel Magalhães, a liberação da Caixa Econômica Federal veio em dezembro e a partir de então, será aberto o edital com o processo licitatório para contratar a empresa que iniciará as obras. A expectativa é de que a revitalização esteja concluída até o fim do 1° semestre.

O presidente da Associação Comercial, Anderson de Souza Martins, durante toda a reunião, abriu espaço para que os comerciantes colocassem suas posições aos representantes presentes. “Essa é a oportunidade de vocês ouvirem as demandas dos comerciantes, empresários e proprietários de lojas e levarem para a prefeitura onde irão ponderar e debater”.

Anderson reforça ainda que todo o comércio anseia pela revitalização e que ela aconteça até o final do 1° semestre e coloca a ACIV à disposição para intermediar a demanda do empresário frente ao poder público no que tange ao assunto revitalização, partindo tanto da iniciativa pública quanto da privada.

Fonte: Blog do Madeira / Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *