Mutirão de Limpeza no Sion bate recorde de recolhimento com 28 caminhões de lixo e 364 pneus

O Mutirão de Limpeza no Bairro Sion, que seria feito em duas quartas-feiras, se estendeu para quatro dias devido ao grande volume de materiais inservíveis. De acordo com a equipe do Setor de Epidemiologia da Prefeitura, composta por 20 pessoas, foi o recorde de recolhimento de todos os Mutirões já realizados em Varginha.

Por um lado, esse volume mostra que a população atendeu ao apelo da Prefeitura e realmente fez uma limpeza em suas casas. Por outro, mostra a real preocupação em relação ao combate dos focos dos mosquitos transmissores de doenças.

No total, nos dias 23, 24, 30 e 31 de janeiro, a Prefeitura retirou 28 caminhões e 364 pneus no Sion que foi dividido em duas partes para facilitar a coleta. Vale lembrar que não foram recolhidos galhos de árvores e nem entulhos de construção.

O município de Varginha intensifica as ações no combate ao mosquito Aedes Aegypti, principalmente depois que o 1º LIRAa  – Levantamento de Índice Rápido de Aedes Aegypti realizado nos dias 7, 8 e 9 de janeiro desse ano, classificou a cidade como MÉDIO RISCO de infestação do Aedes Aegypti transmissor da Dengue, Zika e Chikungunya.

O esforço nesse combate aos focos do mosquito tem que ser coletivo para que realmente haja sucesso.

Casas

Na última quarta-feira, 30, a equipe do Setor de Epidemiologia limpou uma casa no Bairro Corcetti, onde uma senhora acumulava muitos produtos inservíveis como móveis e utensílios velhos, roupas espalhadas pelo quintal. Sem condições para limpar, a moradora foi orientada por uma assistente social a procurar o Setor de Epidemiologia da Prefeitura que deparou com um local muito sujo com ratos, baratas e escorpiões sendo um risco à saúde pública.

Na próxima terça-feira, dia 8, outra casa, no Bairro Centenário também será limpa e tudo será colocado na calçada para que a equipe do Mutirão de Limpeza recolha na quarta-feira, dia 9. Reforçando, o próximo Mutirão será no Centenário II.

Dengue

Todo este esforço tem por finalidade eliminar os focos do vetor Aedes Aegypti, transmissor da Dengue, Zica e ChiKungynia. Varginha até agora contabiliza 59 casos suspeitos de Dengue, o material foi encaminhado pela Secretaria Municipal de Saúde à Funed – Fundação Ezequiel Dias, em Belo Horizonte para análise. Até agora, apenas 01 caso foi confirmado, mas foi importado de outra cidade.

Fonte e fotos: Prefeitura Municipal de Varginha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *