Câmara realiza Moção Pública contra a privatização dos Correios

Nesta quarta (12), a Câmara Municipal de Varginha apresenta moção pública contra a privatização dos Correios, às 18h em sua sede. A iniciativa é do vereador Anderson José Firmino (Buiú do Ônibus). Órgãos legislativos de vários municípios brasileiros têm enviado às autoridades do Executivo e do Legislativo Federal moções de preocupação com a pretendida venda da empresa.

Desde junho de 2019, a Associação dos Profissionais dos Correios (ADCAP) vem apoiando essas iniciativas. Em Minas Gerais, além de Varginha, outras 78 cidades já se manifestaram contra a privatização dos Correios por meio de seus vereadores, como Belo Horizonte, Alfenas, Barbacena, Ipatinga, Itabirito, Janaúba, Juiz de Fora, Montes Claros, Poços de Caldas, São João Del Rey, entre outras (veja a relação completa aqui).

Márcio Borges / Varginha Online

Segundo os Correios, “a privatização não faz sentido, pois além de autossustentável, a empresa é importante para a população por inúmeros motivos já ressaltados: contribui com a educação nacional e o futuro das gerações mais novas, distribuindo material escolar e livros didáticos a escolas de todo o País; ajuda o governo em momentos de catástrofes; distribui medicamentos em programas federais de saúde; integra economias locais com centros financeiros do País, contribuindo para o desenvolvimento das cidades; é eficiente (índice de 98% de qualidade nas entregas)”, informou.

Recentemente, o Acórdão 211/2020 do Tribunal de Contas da União (TCU) confirmou a qualidade dos serviços dos Correios. O documento é a conclusão de auditoria feita pelo TCU, a partir da solicitação do Congresso Nacional. O Acórdão pode ser consultado na íntegra aqui.

Redação CSul – Iago Almeida / Foto: Câmara Municipal de Varginha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *