Missa de São Jorge em Varginha

A Igreja católica celebra, no dia 23 de abril, a memória litúrgica de São Jorge. O santo possui grande devoção popular em todo o Brasil, e é considerado o padroeiro da Cavalaria do Exército Brasileiro, dos escoteiros e da Superintendência Regional da Polícia Federal no Rio de Janeiro, além de diversos países, como Inglaterra e Portugal.

A Paroquia Luz dos Povos vai celebrar missa em homenagem ao santo, hoje ao meio dia, na Igreja Nossa Senhora Aparecida no bairro que leva o nome da Padroeira do Brasil

São Jorge foi um guerreiro originário da Capadócia e militar do Império Romano, no tempo do imperador Diocleciano, Jorge converteu-se ao cristianismo e não aguentou assistir calado às perseguições ordenadas pelo imperador. Foi morto na Palestina, no dia 23 de abril de 303. Ele teria sido vítima da perseguição de Diocleciano, foi torturado e decapitado em Nicomédia, devido à sua fé cristã.

A imagem de todos conhecida, do cavaleiro que luta contra o dragão, foi difundida na Idade Média. Está relacionada às diversas lendas criadas a seu respeito, e contadas de várias maneiras em suas muitas paixões. Iconograficamente, São Jorge é representado como um jovem imberbe, de armadura, em pé ou  em um cavalo branco com uma cruz vermelha. Com a reforma do calendário litúrgico, realizada pelo papa Paulo VI, em maio de 1969, a observância do seu dia festivo passou a ser de memória facultativa. Embora muitos ainda suspeitem da veracidade de sua história, a Igreja Católica reconhece a autenticidade do culto ao santo, que chegou ao Brasil com os portugueses. Em 1387, Dom João I já decretara a obrigatoriedade de sua imagem nas procissões de Corpus Christi.

A quantidade de milagres atribuídos a São Jorge é imensa. Segundo a tradição, ele defende e favorece a todos os que a ele recorrem com fé e devoção, vencendo batalhas e demandas, questões complicadas, perseguições, injustiças, disputas e desentendimentos No estado do Rio de Janeiro é feriado estadual.

Após a missa estava marcada uma feijoada no pátio da igreja, mas o evento foi transferido para uma outra data ainda neste semestre a ser divulgada. O motivo é a forte onda de calor que dificultaria a venda dos ingressos por ser tratar de um prato mais para um tempo ameno ou frio.

São-Jorge
A quantidade de milagres atribuídos a São Jorge é imensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *