Justiça cancela benefício de ex goleiro Bruno após flagra em reportagem de TV

A justiça determinou que o ex goleiro Bruno Fernandes volte para o presídio de Varginha após o goleiro ter sido flagrado em um bar de uma associação na presença de mulheres e próximo a uma lata de bebida alcoólica.

O goleiro cumpria pena em Varginha e exercia trabalho externo na Apac. Além disso, o ex goleiro ainda fazia uso de um aparelho celular e mantinha conversas onde citava a facilidade em ter acesso a celulares e consumir bebida alcoólica.

O Advogado do goleiro, que há uma semana atrás havia entrado com pedido de progressão de pena, negou que houvesse irregularidades.

A decisão de voltar para o presídio foi publicado pela primeira vara cível de Varginha.

A atual esposa de Bruno, com quem ele tem uma filha, gravou um vídeo que circula nas redes sociais dizendo que acredita que há uma explicação para o ex goleiro ter marcado encontro com outras mulheres e também acredita que o marido não tenha cometido irregularidades. O caso está sendo investigado.
Fonte: Minas Acontece / Foto: Reprodução do site Minas Acontece

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *