Filme produzido por Varginhenses concorre a ‘Melhor Filme’ no Festival de Cinema de Pernambuco

O Longa-Metragem Janelas estará representando nossa região no Cinecar um dos maiores Festivais de Pernambuco. Além de concorrer a Melhor Filme do festival, a obra de Lucas Marques também concorrerá a Melhor Direção, Melhor Roteiro, Melhor Atriz com Marina Azze e Vitória Raciane

Tem se tornado rotina ver os artistas de Varginha serem selecionados para grandes festivais de cinema do país. Desta vez, eles emplacaram o Longa-Metragem Janelas de Lucas Marques. O Cinecar acontecerá de 25 a 30 de novembro no Shopping Carpina, em Carpina- Pernambuco.

Janelas é filme fortíssimo, de época, que fizemos na guerrilha. Na contra-mão dos filmes comerciais. E tem nos trazido tantos prêmios, aberto tantas portas. A paisagem de Carmo da cachoeira, as atuações perfeitas do elenco, o texto pesado tem feito Janelas, ser nossa janela para os grandes festivais.  Ao receber a notícia que o filme havia sido selecionado neste Grande festival, fiquei extremamente feliz!

É a primeira vez que um filme nosso chega ao estado de Pernambuco. Uma alegria imensurável, já que o cinema pernambucano tem trazido tantas alegrias para nosso país. Ser indicado como Melhor Diretor foi fantástico e muito importante para a minha carreira. Ainda mais ao lado de grandes nomes do cinema dos quais admiro muito.” Diz Lucas Marques Diretor do Filme.

 

Estamos todos ansiosos com este Festival. Quando eu fiz o teste para a personagem, senti que minha vida ia mudar se passasse. E não é que mudou? Recebi 2 prêmios de Melhor Atriz com este filme e agora essa Indicação maravilhosa! Quantas portas nos abriram depois deste filme? E a certeza de que não pararíamos mais veio pós ele. Chegou nosso momento de vê-lo na telona, em outro estado. Que honra, ver  mãe e filha. dessa história tão pesada, serem glorificadas juntas num festival. Aliás isso já aconteceu em outros festivais. Uma felicidade que nos traz força para continuarmos nossa caminhada juntas!” Diz Vitória Raciane, atriz indicada a prêmio no Cinecar.

O filme Janelas já coleciona 8 prêmios em diferentes festivais de cinema do país e é um drama psicológico que conta a história de uma família do início do século XX. Imersa nesse universo que possui estruturas sociais muito específicas, Antónia vivida por Marina Azze, agora matriarca da família, se vê presa a seu passado. Que acaba sendo desvendado por sua filha Helena. Vivida por Vitória Raciane. Trata-se de um longa metragem que aborda a pisque feminina. O objetivo deste filme é discutir o abuso e a violência contra as mulheres num período machista e patriarcal. A trama foca numa personagem abusada sexualmente pelo padrasto e a ruptura total desta família dividida entre preconceitos e julgamentos. Antônia vive o drama de ser mãe e irmã da própria filha e ter que levar esse segredo por anos. Mas o passado, bate a porta ao retornar a fazenda e se deparar com a morte da sua mãe.

“Como me emocionei com a notícia da Indicação. Janelas é filme que significa muito pra mim. Dolorido de fazer, difícil. E muito, muito especial. Chego a este momento aos meus 30 troféus. Mas nenhum veio do estado de Pernambuco. Estado este que tem feito tantas alegrias ao cinema nacional. Que honra. As atrizes indicadas, estiveram esse ano em Cannes, em Hollywood… E entre elas, eu e a Vitória Raciane, atriz que eu tenho imensa consideração e respeito. Nosso cinema mineiro, criou uma realidade linda. Como é delicioso participar disso e ver que nossa luta, tem feito todo sentido, país a fora. Torçam! Quem sabe Varginha estará entre os grandes locais de cinema do país?! Luto muito por isso a anos. E é lindo, ver que já modificamos essa realidade.” Relata Marina Azze.

Fonte: Marina Azze Fotos: Marina Azze

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *