Crea-MG inaugura sede própria em Varginha

O presidente do Conselho de Engenharia, engenheiro civil Lucio Borges, fará a inauguração do espaço na próxima terça-feira (12/11).

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Minas Gerais (Crea-MG) inaugura a sede própria da sua inspetoria em Varginha, na próxima terça-feira, 12 de novembro de 2019, às 10h. O novo espaço, que está localizado na rua José Justiniano Paiva, 03, Vila Bueno, vai abrigar ainda a Associação Varginhense de Engenheiros e Arquitetos (Avea).

A solenidade de inauguração contará com a presença do presidente do Crea-MG, engenheiro civil Lucio Borges, dos inspetores do Conselho em Varginha, engenheiro civil Adimar Rezende Lages, engenheiro mecânico/civil Claudionor Alves da Silva e engenheiro agrônomo Rodrigo Garcia Rezende de Souza, além do conselheiro do Crea-MG, engenheiro mecânico Donizeti Leão de Miranda, de representantes das entidades profissionais, do poder público e da sociedade.

A unidade de Varginha é responsável pelo atendimento de mais de mil profissionais de 14 cidades da região. Em 2018, foram realizados cerca de 4 mil atendimentos, tanto aos registrados no Conselho quanto à população. “A ampliação do local era uma necessidade e uma reivindicação antiga dos profissionais, que serão atendidos agora em um espaço moderno com praticidade e conforto. Isso é um ganho para eles, que serão valorizados, e também para a sociedade, que se beneficiará com a prestação de serviço de qualidade”, afirma o inspetor-chefe e presidente da Avea Adimar Rezende Lages. Segundo ele, a inauguração representa um marco para a engenharia em Varginha. “A construção de uma sede própria mostra a força das nossas profissões na região”, ressalta.

Para o presidente Lucio Borges, além de valorizar o patrimônio, a nova inspetoria vai aproximar ainda mais os profissionais do Conselho. “Queremos fazer da inspetoria a referência para o profissional, abrindo as portas para a agenda de palestras, treinamentos e capacitação. O nosso compromisso é de estar presente onde há atuação dos profissionais da engenharia, da agronomia e das geociências”, afirma Lucio Borges.

Construída de acordo com as normas de acessibilidade, a nova inspetoria conta com uma área de aproximadamente 560 metros quadrados, com três pavimentos, estacionamento e auditório com 80 lugares. O espaço vai oferecer, entre outros serviços, o registro de profissionais e empresas, emissões de Anotação de Responsabilidade Técnica (ART), certidões, taxas e formulários, esclarecer dúvidas e procedimentos, além de fiscalizar o exercício das profissões de engenharia, agronomia, geologia, geografia e meteorologia.

Fonte: Assessora de Imprensa / Foto: Enxada Neles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *