Colégio Catanduvas anuncia fechamento

CNEC emitiu nota explicando que aumento expressivo no índice de inadimplentes e no número de cancelamentos ou transferências de matrículas foi crucial para decisão

Redação CSul – Iago Almeida / Foto: Mariana Ribeiro

A Campanha Nacional de Escolas da Comunidade (CNEC) comunicou que as atividades do Colégio Cenecista Catanduvas foram encerradas. O anúncio foi feito em reunião realizada nesta sexta-feira (10), entre pais de alunos e diretores.

Segundo a CNEC, a decisão foi tomada “depois da realização de uma análise minuciosa de fatores internos e externos que avaliaram o impacto causado pela pandemia de Covid-19, sobretudo, no mercado educacional privado. Tal avaliação demonstrou ser inviável a manutenção do bom atendimento da comunidade local, com a qualidade e eficiência características da marca”, informou. (Confira nota completa abaixo).

A rede justificou ainda que “a preservação desses princípios na referida região foi prejudicada em função do aumento expressivo no índice de inadimplentes e também no número de cancelamentos ou de transferências de matrículas recebido”, explicou.

O Colégio Catanduvas foi inaugurado em 1960, quando era administrado pela Campanha Nacional de Educandários Gratuitos. Os responsáveis pela obra foram Glênio Vérdi Bíscaro Botega e Amâncio Faustino.

Mariana Ribeiro

Faceca continua

A Faculdade Cenecista de Varginha (FACECA) que também integra a Rede CNEC mantenedora das duas instituições, não vai ser afetada, segundo o professor de Direito Constitucional da Faceca, Dr. Luiz Antônio Ribeiro Júnior. Leia a íntegra da nota divulgada pelo professor nas redes sociais:

“Meus caros amigos, especialmente os alunos da FACECA: esclareço que a Faculdade continua funcionando normalmente, limitando-se o encerramento das atividades ao Colégio Catanduvas. Quaisquer dúvidas, não deixem de entrar em contato. Conto com vocês em nosso segundo semestre letivo, com a disposição e garra de sempre.”.

Relocação de estudantes

Pais e responsáveis pelos alunos reclamam da decisão do colégio. “A gente continuava pagando em dia as mensalidades e, agora, do nada, informaram que o colégio está fechado”, disse um pai em entrevista ao BlogdoMadeira.“A gente continuava pagando em dia as mensalidades e, agora, do nada, informaram que o colégio está fechado”, disse, o pai de um aluno da escola.
O valor da mensalidade chega a R$ 1.050.

Alguns pais já buscam outros centros de ensino para seus filhos, é o caso de Ednara Soares. “Vamos estudar valores, material didático, todos os detalhes antes de decidir”, disse, ao Blog do Madeira.

A CNEC se colocou à disposição para auxiliar na realocação e adaptação dos
estudantes em outras instituições do município, “para que o aprendizado deste ano possa se manter contínuo e eficaz”, informou a rede. “Vamos estudar valores, material didático, todos os detalhes antes de decidir”, disse outro pai ao Blog do Madeira.

Posicionamento do Sinpro Minas

Em contato com o CSul, a diretora do Sindicato dos Professores da Rede Privada de Minas Gerais (Sinpro Minas), Mônica Junqueira, disse que o Sindicato se reuniu de forma virtual na manhã desta sexta-feira (10), com os professores para prestar orientações com relação às questões trabalhistas.

Conforme o Sindicato, os professores foram avisados do fechamento em reunião realizada horas antes do anúncio aos pais de alunos.

Nota completa do CNEC

“A Campanha Nacional de Escolas da Comunidade (CNEC) comunica que, apesar de todos os esforços empenhados, as atividades do Colégio Cenecista Catanduvas foram encerradas.

A decisão foi tomada depois da realização de uma análise minuciosa de fatores internos e externos que avaliaram o impacto causado pela pandemia de Covid-19, sobretudo, no mercado educacional privado. Tal avaliação demonstrou ser inviável a manutenção do bom atendimento da comunidade local, com a qualidade e eficiência características da marca.

Nesse contexto, a preservação desses princípios na referida região foi prejudicada em função do aumento expressivo no índice de inadimplentes e também no número de cancelamentos ou de transferências de matrículas recebido.

Consciente da repercussão que esta decisão pode causar em nossos estudantes, pais e responsáveis, a CNEC se coloca à disposição para auxiliar na realocação e adaptação dos estudantes em outras instituições do município, para que o aprendizado deste ano possa se manter contínuo e eficaz.

Por fim, a CNEC agradece por toda confiança depositada ao longo dos anos de atuação na comunidade e solicita a compreensão de todos para as definições que se fazem necessárias neste momento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *