Cidade criativa do Novo Tempo é uma realidade

Na última Quarta, dia 20/12/2017, o Município de Varginha e a Ângulo Social Consultoria e Projetos Socioambientais Ltda, assinaram um dos contratos de maior alcance social das últimas décadas, no qual a empresa contratada será responsável pela elaboração e execução de serviços técnicos especializados de diagnóstico complementar dos beneficiários, diagnóstico da área, elaboração do PTS (Projeto de Trabalho Social) e PDST (Plano de Desenvolvimento Socioterritorial) dos Residenciais Carvalhos, Cruzeiro do Sul e Novo Tempo, no âmbito do “Programa Minha Casa Minha Vida”, o que, na prática, significa a concretização do processo de identificação das demandas e prioridades das três comunidades e a imediata implementação dos mecanismos, instrumentos, serviços e ações para resgate da dignidade cidadã e da libertação das desigualdades sociais, da vulnerabilidade social e do risco social que penalizam 70% da população do espaço urbano formado pelos três Residenciais, os quais, juntos e integrados, perfazem uma população de 5.000 habitantes (maior do que 102 cidades mineiras).

A assinatura desse Contrato representa, na prática, o maior investimento na área social nas últimas décadas, fruto do Convênio entre o Município de Varginha e a Caixa Econômica Federal (CEF), o que, em termos práticos e irrefutáveis, significa que a CIDADE CRIATIVA DO NOVO TEMPO é uma realidade, uma realidade concreta, que abre as portas para novos tempos na luta contra as desigualdades sociais.

Entre as METAS mais significativas indicadas pela Secretaria de Habitação e Desenvolvimentos Social, gestora do Contrato, estão as seguintes:

META – I – Realização de oficinas/ cursos de capacitação e qualificação profissional nos setores da marcenaria de pallets; panificação e confeitarias; fabricação de sabão caseiro com aproveitamento de óleo de cozinha; artesanato em feltro; barbearia, manicure, pedicure e designer de sobrancelhas; moda artesanal, tendo como meta até 31/12/20 capacitar e qualificar 400 (quatrocentos) profissionais (de ambos sexos).

META – II – Proporcionar 20 (vinte) oficinas sobre Economia Criativa, Economia Solidária, Educação Financeira e Empreendedorismo para os profissionais habilitados e qualificados que optarem pela participação efetiva na criação e implantação da Associação Cooperativa de Economia Solidária, que abrigará em seu arcabouço  institucional os Núcleos Solidários de Produção e os Serviços de Empreendedorismo, até 31/12/20.

META – III – Estimular, fomentar e incrementar o Protagonismo Juvenil, alicerçado na educação para o empreendedorismo e para a cidadania, através  da Inclusão Digital, proporcionando o acesso de 400 (quatrocentos) jovens de 14 á 21 anos às Oficinas  e Cursos de Informáticas Básica; Designer Gráfico; Web Designer; Desenvolvimento de Aplicativos; 3D Games; 3D Stúdio Max; Produção de Curta Metragem e Fotografia, até 31/12/20.

META – IV – Promoção e articulação com empresas; startups; coletivos; fundos de investimentos; adesão do Sistema Nacional de Economia Solidária e criação do Banco de Economia Comunitário, vinculado à Associação Cooperativa de Economia Solidária Novo Tempo, até 31/12/2020. (Fonte: ASSCOM)

Legendas das fotos: Professor Francisco Graça de Moura, Secretário de  Habitação e Desenvolvimento Social e Doutor Gabriel Drummond Reis,  diretor da Ângulo Social, por ocasião da assinatura do contrato para a  execução dos serviços na Cidade Criativa do Novo Tempo.

* Reunião da equipe técnica da SEHAD com o diretor da Ângulo Social  Consultoria e Projetos Socioambientais.

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *