Casa é atacada com coquetel molotov em Varginha

Uma casa, no bairro Vila Verde, foi atacada na madrugada desta segunda-feira (17), artefato explosivo improvisado, conhecido como coquetel molotov. De acordo com informações da polícia a vítima, de 38 anos, disse que vem sofrendo represálias e ameaças desde de que um homicídio ocorreu em frente a casa, no dia 21 de maio. O marido dela é o principal suspeito do crime.

Na varanda foi jogada uma garrafa com coquetel, conhecido como molotov e álcool, que queimaram mesas e cadeiras de plástico.

A perícia compareceu e realizou seus trabalhos. Câmeras de segurança gravaram a ação de um indivíduo. Ele estava com roupas pretas e arremessou algo na varanda por volta de 1h. Foi feito rastreamento, mas até a publicação desta reportagem ninguém havia sido preso.

Outro registro

No último dia 28 de maio, a mesma vítima acionou a PM, alegando que ao sair de sua casa por volta das 5h, notou que a parede frontal toda e o portão estavam pichados com várias palavras de baixo calão e ameaças de morte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *