Casa Amor e Vida comemora cinco anos de serviços prestados

Durante o ano de 2017 a casa amor e vida realizou vários projetos sociais, acolhendo pessoas com Hiv, Sífilis e Hepatite. O seu objetivo é oferecer tratamento psicológico com psicologos e psicanalistas.

Uma das ações foi o “Cafe com infecto” com Dr: Luiz Carlos Coelho, onde foram atendidos pacientes e pessoas com vários problemas, tendo através deste movimento o resultado da cura.
Durante o ano de 2017 a casa amor e vida realizou vários projetos sociais, acolhendo pessoas com Hiv, Sífilis e Hepatite. O seu objetivo é oferecer tratamento psicológico com psicologos e psicanalistas.
Outra ação foi a no presídio de Varginha, com palestras e oficinas de Beleza, orientação Ist/s Aids, que foi o foco da ação preventiva dentro do projeto para com os reeducandos.
Este mês o ativista Gustavo Tavares, esteve atreves da CPFL renováveis, 2 hidroelétrica Boa Vista, palestrando para seus funcionários com um trabalho de orientação sexual bem orientado. Foi falado da Pep (profilaxia pós-exposição) ao Hiv, que é uma medida de prevenção feita através do uso de medicamentos e deve ser iniciado até 72 horas subsequentes à exposição. É recomendável para quem sofre violência sexual,  para quem teve contato com o vírus hiv, sexo desprotegido. A Pep não substitui o uso do preservativo e não é indicado para todas as pessoas. Não é indicado o uso frequente de Pep devido aos efeitos adversos que podem ocorrer. O tratamento assim como acompanhamento profissional, é ofertado gratuitamente em unidades de Dispensação de medicamentos.
A melhor forma de se proteger é usando preservativos. Quem orienta Cura!
Fonte: Blog do Madeira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *