Amigos e parentes se despedem de Padre Edvar

Na manhã desta terça-feira (20), amigos e parentes se reuniram na Igreja de São Sebastião do Rio Verde para despedida de Padre Edvar, que faleceu após um acidente de carro no último domingo (18). Muita comoção tomou conta do momento.

Na Igreja onde nasceu a vocação ao sacerdócio, a população se reuniu para prestar a última homenagem ao Padre.

A despedida se iniciou na segunda-feira (19), em Varginha, onde o sacerdote trabalhava. Centenas de fiéis lotaram a Igreja de Sant’Ana, onde o padre realizava seu ministério por dois anos, para dizer adeus ao homem que muito serviu a Deus e a comunidade.

Padres carregam o corpo de Padre Edvar – Reprodução EPTV

Vários padres e seminaristas da Diocese de Campanha estiveram presentes na Missa de Corpo Presente, celebrada pelo Cônego José Douglas Baroni, que também contou com a presença do Bispo Emérito, Dom Frei Diamantino Prata de Carvalho.

“Eu conheci Padre Edvar no ano passado, em fevereiro, quando cheguei na paróquia para fazer o estágio pastoral. Me lembro muito bem do Padre Edvar, aquele homem sorridente, cheio de sonhos. O que me marca muito era a sua simplicidade, era amigo, sempre me chamava de filho”, afirmou Claudinei, seminarista diocesano de Campanha, que realiza estágio pastoral na paróquia de Sant’Ana.

Após a celebração, o corpo do padre foi levado para São Sebastião do Rio Verde, onde nasceu. Em Carmo de Minas, onde o sacerdote também atuou, moradores fizeram um cortejo para a passagem do padre.

Cidade de Carmo de Minas e a DESPEDIDA ao PADRE EDVAR!

Cidade de Carmo de Minas e a DESPEDIDA ao PADRE EDVAR (da Paróquia de Santana em Varginha) que faleceu em um acidente de trânsito na cidade de Cambuquira. 🌹(Registro do amigo Silvestre Ferraz)

Publicado por Noticiando Varginha em Segunda, 19 de novembro de 2018

“Ele se sentia um instrumento de Cristo no meio desse povo. Uma tristeza para todos nó, mas rezamos também para que ele esteja no Reino da Glória, intercedendo pela Diocese da Campanha, pelos seus irmãos sacerdotes, parentes e amigos que aqui ficaram”, disse Dom Pedro Cunha Cruz, bispo diocesano de Campanha, que celebrou a Missa de Corpo Presente às 9h, em São Sebastião do Rio Verde.

O enterro aconteceu às 11 horas no Cemitério Municipal de São Sebastião do Rio Verde. e o padre foi bastante aplaudido pelos presentes no local.

Redação CSul – Iago Almeida / Foto: Reprodução EPTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *