Alerta sobre os riscos de queda de árvores

Na última semana, Varginha registrou chuva por quatro dias  seguidos, e cerca de 100 mm choveu na cidade. Com as chuvas, vêm ainda os fortes ventos que preocupam sobre os riscos de queda de árvores e destelhamentos de casas.

Graves acidentes envolvendo queda de árvores foram registrados na cidade, entre eles, alunos da  Escola Municipal Domingos Ribeiro de Rezende, ficaram sem aula na última sexta-feira (18), após uma árvores que ficava atrás da quadra cair.

A forte chuva provocou também a queda de grandes galhos de árvores da prefeitura Municipal, na Vila Paiva. Os galhos caíram em cima de um veículo que estava estacionado, bloqueou a passagem de carros e interrompeu o serviços de energia elétrica.

Até os animais foram afetados. O Zoológico foi fechado por tempo indertemiado para manutenção, pois segundo a direção do parque, a chuva dos últimos dias derrubou duas árvores, que caíram sobre a fiação elétrica, derrubando postes.

A energia elétrica já foi restabelecida no local, mas segundo a direção, até que todo o trabalho de recuperação dos postes e manutenção dos fios seja concluído, o parque estará fechado para garantir a segurança dos animais e dos visitantes.

Em caso de árvores em estado crítico, que apresentam riscos de queda, a instrução é acionar o Corpo de Bombeiros, para que eles possam avaliar. O Capitão Silvio Alves Barbosa, do Corpo de Bombeiros de Varginha, menciona algumas atitudes que devem ser tomadas. “Se houver sinais evidentes de morte da planta com riscos de queda, o morador deve entrar em contato com o Corpo de Bombeiros pelo 193, e uma equipe será enviada para vistoriar a árvore. Se for constatado o risco eminente, é feito o corte e retirada da planta”.

Varginha registrou chuva por quatro dias  seguidos, e cerca de 100 mm choveu na cidade
Varginha registrou chuva por quatro dias seguidos, e cerca de 100 mm choveu na cidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *