Água Doce doa parte da venda do escondidinho para Vida Viva

Outubro é o mês da campanha contra o Câncer de Mama, doença que acomete muitas mulheres no Brasil. E a Água Doce de Varginha, restaurante famoso não apenas por sua gastronomia impecável, mas também por sua forte ação social no Sul de Minas, participa ativamente da campanha Outubro Rosa, que visa conscientizar mulheres de todo o País sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce da doença. “Distribuiremos panfletos informativos sobre o autoexame, forma mais importante de as mulheres detectarem precocemente o problema”, diz André Yuki, franqueado responsável pela casa.

Além desta ação, a Água Doce de Varginha doará à Associação do Voluntariado Vida Viva, entidade sem fins lucrativos e que presta atendimento a cerca de 2 mil pacientes oncológicos, R$ 15 de cada prato da Família Escondidinho consumido na Água Doce durante o mês de outubro. “A Família Escondidinho é composta pelos pratos que mais vendemos: Escondidinho, Arrumadinho, Amontoadinho e Portuguesinho*. Nós os escolhemos porque a intenção é justamente a de formar um bom fundo para ajudar nas obras da entidade”, comenta o franqueado.

Blog do Madeira

A arrecadação será direcionada às necessidades materiais e alimentares dos pacientes, como medicamentos, suplementos alimentares, leites, frutas, fraldas e produtos de higiene pessoal, além de cesta básica, doação de doações  de turbantes e lenços e empréstimo de perucas.

O projeto tem apoio dos voluntários da UP, Blog do Madeira, Varginha Online, Jornal Gazeta de Varginha, WOutDoor e Perfil WE

 

Serviço:

Outubro Rosa na Água Doce de Varginha

Data: Até 31 de outubro

A Água Doce de Varginha fica na Avenida Salum Assad David, 6 – Santa Luiza. O telefone para contato é: (35) 3214-7549.

*Escondidinho é o prato mais vendido da rede Água Doce. Trata-se de carne de sol desfiada coberta por cremoso purê de mandioca gratinado com requeijão e mussarela. As versões Arrumadinho, Amontoadinho e Portuguesinho recebem recheios de Frango, Camarão e Bacalhau no lugar da carne de sol.

Fonte: Blog do Madeira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *