Vem aí segunda temporada do “Flipoços 15 Anos perto de você”

Após a primeira temporada do festival virtual “Flipoços 15 anos perto de você” realizado na semana que aconteceria o festival de 25 de abril a 03 de maio, a Curadoria lança essa semana a segunda temporada que contará com nomes como Ondjaki, Mary Del Priore, Luiza Eluf dentre outros.

O lançamento do projeto virtual foi um sucesso e superou a expectativa segundo a organização. Na live com a Monja Coen, por exemplo, foram quase 25 mil pessoas ao mesmo tempo assistindo. “Foi uma surpresa muito boa, conta Gisele Ferreira, a Monja Coen é muito querida, além de ter uma forte ligação com a história do Flipoços. Nosso festival foi o primeiro que ela participou em sua bem sucedida carreira de autora e naquela época, em 2010, quase ninguém a conhecia”, enfatiza.

A primeira temporada contou ainda com a participação de Conceição Evaristo, Nélida Piñon, Milton Hatoum, Afonso Cruz, Alexandre Rabelo, Pretinhas Leitoras, Flávia Mantovani e Patrick Santos. As lives podem ser acessadas no canal do Flipoços no Youtube (feira-flipocos).

A nova temporada começa nessa quarta-feira (20) às 19h, e contará com a presença da Maria Regina, coordenadora do grupo Mobi – Mulheres Organizadas em busca de Igualdade, uma associação que fica na cidade de Poço Fundo no sul de Minas, que desenvolve um trabalho de inclusão de mulheres do campo na produção de cafés orgânicos, flores, ervas medicinais, cosmética natural. O grupo de mulheres também participaria da programação oficial do Flipoços 2020, 15 anos, que tem como temática “Mulher e Literatura, da Poesia ao Poder”.

Veja a programação completa da segunda temporada do Flipoços 15 anos perto de você, no Instagram do Flipoços (@flipocos) e as demais lives vão acontecer na página do Flipoços no Facebook (/flipocos) e contará com a parceria de retransmissão nas páginas do LeV – Literatura em Viagem (Matosinhos, Portugal, /CamaraMunicipalMatosinhos/), Descubra Poços (/descubrapocos/), Poços de Caldas Cultura e Arte, Secult (/culturadepocos/). Mais informações nas redes sociais do Flipoços e no site www.flipocos.com.

1 – 20.05 – 19h – Maria Regina Mendes Nogueira – MOBI (mulheres organizadas em busca de igualdade) – Tema: “O papel das Mulheres na Cafeicultura Familiar, que muitas vezes é invisível”.

2 – 27.05 – 19h – Dra. Luiza Nagib Eluf – promotora de justiça, autora de A Paixão no banco dos réus – Tema: “Em mulheres não se bate nem com flores”.

3 – 03.06 – 19h – Ondjaki – Angolano, prosador e poeta, também escreve para cinema e teatro. Depois de viver em Lisboa, Nova York, Rio de Janeiro, retorna para sua terra natal Luanda, onde reside. Tema: “Poesia Atlântica.

4 – 10.06 – 19h – Katia Gerlach – Escritora, professora e artista plástica, mora em Nova York. Autora de Jogos (Ben)ditos e Folias (Mal)ditas pela Editora Oito e Meio. Tema: “Livros Leitura e Literatura na Big Apple.

5 – 17.06 – 19h – Mary Del Priore – Escritora e uma das mais importantes historiadoras do Brasil. Tema: “Uma breve história das Mulheres do Brasil” (baseado no último livro que ainda será lançado).

6 – 24.06 – 19h – Lucia Vicente – escritora portuguesa, do Faro, nasceu em uma família cheia de mulheres. Autora dos livros Portuguesas com M grande e do Feminismo de A a Ser, ainda não editados no Brasil. Tema: “O feminismo de A a Z, encara?”

7 – 01.07 – 19h – Anna Israel – artista plástica, professora e escritora de arte. Integrante do Atelier do Centro – centro de pesquisa e formação em arte expandida. Tema: “A mulher não existe” (LACAN) + a descoberta da mulher como uma saída para o futuro”.

8 – 08.07 – 19h – Tito Couto – jornalista, curador do festival LeV – Literatura em Viagem que acontece há 14 anos em Matosinhos, Portugal. Autor do livro “Eu fiz tudo pra você gostar de mim” (biografia de Carmem Miranda, ainda não editado no Brasil). Tema: “Biografias, a viagem pela vida do outro”.

O Flipoços – Festival Literário Internacional de Poços de Caldas – e a Feira do Livro estão com nova data de realização marcada para os dias 07 a 15 de novembro, no Espaço Cultural da Urca. O festival tem o orgulho de contar com o patrocínio máster do DME pela Lei de Incentivo a Cultura do Estado de Minas Gerais e Codemge, e patrocínio da Nutrire. Também conta com o apoio Cultural das empresas: Kindle (Amazon) e TAG Experiências Literárias. Parceria Cultural do SESC MG e SENAC MG.

Fonte: Portal da Cidade Andradas/Foto: Divulgação Flipoços
*Com informações Flipoços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *