Ufla vai sediar XXXII Congresso Nacional de Milho e Sorgo

Minas Gerais é um dos mais importantes produtores de milho do Brasil destacando-se a região Sul, como uma da mais importantes do estado. Na região, estima-se que em Três Corações a área plantada de milho já tinge 6.000 hectares.
Este número é a amostra da nova fase dos cereais vivida na região do Sul de Minas. Com o aumento da área plantada de grãos na região muitas cooperativas e revendas estão mudando o seu foco de trabalho, a fim de atender a nova demanda por serviços e produtos. Além disso, para lidar com essa nova realidade que universidades, empresas e técnicos invistam em pesquisas e prestações de serviços afim de auxiliar no aumento e manutenção da atividade de produções destes grãos.
Com este pensamento, de 10 a 14 de setembro, a Universidade Federal de Lavras (UFLA) vai sediar a XXXII edição do Congresso Nacional de Milho e Sorgo (CNMS), um dos eventos mais importantes do país na área de Ciências Agrárias.
O congresso é promovido pela Associação Brasileira de Milho e Sorgo (ABMS) e realizado pela parceria da UFLA e da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).
É a primeira vez que o Congresso é realizado na região Sul de Minas Gerais, sendo o principal fórum brasileiro para a discussão de assuntos técnico-científicos sobre as culturas do milho e do sorgo.
A expectativa dos organizadores é reunir mais de mil pessoas de diversos setores ligados à cadeia produtiva, como pesquisadores, produtores, estudantes, equipes de assistência técnica e extensão, além de técnicos de indústrias químicas para proteção de plantas e fertilizantes, de sementes, de máquinas e implementos agrícolas e de mercados.
O congresso vai contar com palestras, painéis, workshops, apresentação de trabalhos científicos, e contemplará uma área de showroom tecnológico, constituída de estandes, tendas e áreas descobertas para a exposição de máquinas e implementos agrícolas.
Fonte: Lavras 24 Horas / Fotos: Reprodução/Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *