Polícia segue em busca do suspeito de ter matado com um tiro no rosto, à ex-companheira em Cabo Verde

A Polícia Civil segue o rastreamento ao homem de 49 anos, que é o principal suspeito de ter matado sua esposa com um tiro no rosto. O crime aconteceu na madrugada da última terça-feira (11), em uma fazenda, no município de Cabo Verde.

O homem fugiu do local após o disparo. Segundo testemunhas, o principal motivo do assassinato seria o fato da vítima ter saído do emprego para pedir a separação do relacionamento com o suspeito. Ainda de acordo com testemunhas, a mulher queria voltar para o norte do estado.

A família do suspeito contou aos policiais que foram até sua residência um dia antes do crime. O motivo da visita seria porquê o homem fez um telefonema à eles, alegando que iria se matar.

Na casa, os parentes do rapaz contaram que ele se mostrava desnorteado e agressivo, no entanto como as discussões entre o casal era frequente, os familiares não deram tanta importância e foram embora. Ao retornarem no local, eles avistaram o corpo da vítima estirado no chão e já sem vida.

A identidade da vítima não foi divulgada. Até o momento ninguém foi preso.

Redação CSul – Alisson Marques 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *