Lavras: Decisão judicial reintegrou patrimônio da TRW ao município

A fábrica da TRW, em Lavras, fechou em setembro de 2016. Quando o prefeito José Cherem assumiu em janeiro 2017, uma de suas primeiras providências foi solicitar a sua assessoria jurídica uma análise no contrato da TRW, quando foi descoberto que a empresa teria que ter permanecido em Lavras por 20 anos, somente assim teria direito a estrutura física, se isso não acontecesse, o imóvel voltaria ao município.

A TRW permaneceu em Lavras por 19 anos, portanto, não teria direito em reivindicar as instalações. Uma batalha jurídica teve início e na sexta-feira, dia 19, uma decisão judicial fez com que o patrimônio fosse reintegrado ao município.

Agora as dependências da TRW poderão ser cedidas em forma de comodato a uma indústria que queira se instalar em Lavras, para isso, nos próximos dias os imóveis serão avaliados e as empresas interessadas poderão realizar visitas técnicas  e estudos de viabilidade. Um dos galpões possui mais de 10 mil m2 de área construída e estrutura para receber empresa de médio e grande porte.

Um dos critérios da administração é que a indústria que oferecer o maior número de empregos terá a preferência nas instalações da antiga TRW.

Fonte: Jornal de Lavras / Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *