Homem é morto por amigo após ser confundido com javali em Itanhandu

Autor do disparo relatou que após movimentações na mata acabou confundido o amigo com o animal.

Redação CSul/Foto: Reprodução Redes Sociais

Um homem morreu após ser confundido com um javali na manhã deste domingo (2), na zona rural de Itanhandu. De acordo com a Polícia Militar, a vítima e um amigo caçavam os animais em uma fazenda, no momento em que o autor do disparo confundiu o homem com o animal e efetuou o disparo.

Ainda conforme a PM, o autor do tiro disse que a vítima atirou no javali e correu pra ver se tinha acertado o animal. Neste momento, ele pensou que o animal estava se movimentando na mata e efetuou o disparo, no qual acertou o companheiro.

Após o tiro, o homem ouviu o pedido do socorro do amigo. Ele tentou prestar socorro, mas devido às condições do terreno não conseguiu.

A perícia foi ao local e logo após a realização das atividades de praxe liberou o corpo ao IML. As armas usadas pelos dois homens foram apreendidas.

Vale ressaltar que, caçada à javalis não configura crime ambiental, por se tratar de um animal no qual não pertence a fauna silvestre brasileira.

O autor foi encaminhado para a delegacia.

Com informações: G1 Sul de Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *