Funcionários de clínica de recuperação são suspeitos de espancar interno em Fama

Funcionários de uma clínica de recuperação em Fama são suspeitos de espancar um interno, que ficou bastante machucado.

Segundo informações, na manhã da última quarta-feira (18), a tia de um interno, de 38 anos, acionou a Polícia Militar e conforme informações contidas no boletim de ocorrência, após saber que seu sobrinho havia sido agredido por funcionários e estava bastante machucado ela foi no local.

Na clínica ela foi atendida por funcionários e o sobrinho disse que não conseguia mais ficar no local, porque havia sido muito agredido e em seguida, após ela ver ele bastante machucado, com lesões pelo corpo, inchaço no pescoço e sangramentos pela boca, questionou os funcionários que negaram o ocorrido.

Os militares durante conversa com a vítima, ele disse ter sofrido as agressões, porque sobrou um pouco de comida no prato e foi amarrado, agredido, enforcado por outros internos e que após as agressões, um funcionário tampou sua respiração pelo nariz e o outro colocou medicamentos forçado em sua garganta.

Uma funcionária da prefeitura, responsável pelas marcações de consultas, ao saber das agressões que o interno sofreu, foi até o local e o encontrou com diversos sinais de agressão, com um forte sangramento no nariz e ele contou que foi agredido.

A vítima ainda relatou o nome de dois funcionários responsáveis pelas agressões. Em seguida ele foi atendido em um posto de saúde e a médica constatou em prontuário, as diversas lesões elo corpo.

Fonte e foto: Minas Acontece

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *