Fazendeiro de 63 anos é morto com tiro no rosto durante assalto a propriedade em Pratápolis

Na noite da última sexta-feira (26), um fazendeiro de 63 anos foi morto com um tiro no rosto durante um assalto na zona rural de Pratápolis. A suspeita é que o homem tenha sido morto com a própria espingarda calibre 12.

De acordo com as informações da Polícia Civil, dois homens invadiram a propriedade e renderam a esposa do proprietário, que estava dormindo. Logo em seguida, ela foi trancada no quarto e ouviu um barulho de tiro. Ao destrancar a porta com uma chave reserva, ela encontrou o marido, Clóvis Moacir Álvares, já caído e sem vida na cozinha.

Um celular e a carteira do fazendeiro foram levados pelos bandidos. Horas depois do assalto, testemunhas disseram que viram um carro com quatro ocupantes em atitudes suspeitas próximo a um posto de combustíveis.

Até o momento ninguém foi preso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *