Dois são presos por boca de urna na região; um deles é prefeito de Areado

Duas pessoas foram presas por boca de urna na região, durante o domingo (7).

Em Três Pontas, um homem foi preso com mais de 150 adesivos, panfletos e um cartaz. O disse que recebeu R$ 100 para fazer a boca de urna. O rapaz e todo o material foram encaminhados para a delegacia da cidade.

Em Areado, o prefeito da cidade, Pedro Francisco da Silva (PR), foi detido por boca de urna e ameaça em uma seção eleitoral, na Escola Municipal Doutor Joaquim Ribeiro Pereira.

O prefeito foi levado ao quartel da Polícia Militar onde assinou um termo circunstanciado de ocorrência. Em seguida, foi liberado. Mas, ainda durante a manhã, ele retornou à escola e fez ameaças ao homem que fez a denúncia por boca de urna. A polícia foi novamente chamada, mas o prefeito já havia saído do local.

Ele foi encontrado no bairro Novo Areado, onde foi preso e levado à delegacia. O boletim de ocorrência foi registrado, mas o prefeito negou as acusações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *