Cachoeira de Minas: Polícia investiga participação de outros suspeitos em refinaria de drogas descoberta

Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) continua investigando outros suspeitos de participação na refinaria de drogas descoberta no bairro da Bateia, zona rural de Cachoeira de Minas. A ação realizada nesta segunda-feira (17) resultou na prisão de duas pessoas. Ainda segundo o Gaeco um terceiro suspeito está foragido e outras quatro pessoas estão sendo investigadas.

“De agora em diante nós podemos ter mais elementos e chegar até os outros indivíduos relacionados a esse tráfico aqui na região”, disse o subcoordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), Fabiano Laurito.

As investigações duraram seis meses e contou com o apoio das Polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal. “A Fernão Dias é uma rota tanto para chegar quanto pra passar e pra sair. Então, todo o tempo ela é uma rota e por isso a gente tem esse trabalho intensificado em cima do tráfico de drogas”, contou o inspetor da Polícia Rodoviária Federal, Emerson de Souza.

Droga apreendida em Cachoeira de Minas (MG) foi avaliada em cerca de R$ 1 milhão, segundo Gaeco (Foto: Reprodução EPTV)
Droga apreendida em Cachoeira de Minas (MG) foi avaliada em cerca de R$ 1 milhão, segundo Gaeco (Foto: Reprodução EPTV)

Segundo a PM, a operação resultou na apreensão de 60 Kg de cocaína, 38 Kg de pasta base de cocaína, 7 Kg de crack, 19 Kg de cocaína refinada, três porções de cocaína refinada, R$ 1.110,75 em dinheiro, R$ 2,5 mil em cheques e quatro balanças de precisão. No local ainda foram encontrados galões com substâncias utilizadas para dissolver a pasta base de cocaína, uma prensa, celulares, dois veículos, cerca de 300 Kg de gesso e uma betoneira. Material que chamou a atenção da polícia.

“É uma máquina usada por pedreiros para fazer cimento, concreto. E essa máquina era usada [pela quadrilha] e apresentava resquícios de drogas”, completou o subcoordenador do Gaeco.

Em Cachoeira de Minas (MG), duas pessoas foram presas nesta segunda-feira (17) em uma refinaria de drogas (Foto: Polícia Militar)
Em Cachoeira de Minas, duas pessoas foram presas nesta segunda-feira (17) em uma refinaria de drogas (Foto: Polícia Militar)

O material foi apreendido em um sítio na zona rural, que segundo a investigação, era usado desde 2013 para o refino de drogas. O Gaeco acredita que a quadrilha distribuía a droga em Pouso Alegre e em outras cidades da região. A droga foi avaliada em cerca de R$ 1 milhão e será incinerada, segundo o órgão.

“Pelo que se verificou [eles] teriam condições trabalhando, ordinariamente, naquele local de refino, de produção de significante quantidade de drogas”, disse o comandante da Polícia Militar, Eyder de Souza Lambert.

O material e os dois suspeitos foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Civil de Pouso Alegre.

Fonte: G1 Sul de Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *