Suspeito de matar homem e postar vídeo no Facebook é encontrado morto nos EUA

Foi encontrado nesta terça-feira (18) o corpo de Steve Stephens, suspeito de matar um homem em plena rua escolhido aleatoriamente e postar um vídeo do assassinato no Facebook. A informação foi divulgada pela polícia estadual da Pensilvânia no Twitter.

O suspeito foi visto no condado de Erie e, após rápida perseguição, ele se matou com um tiro, disseram as autoridades.

A polícia diz ter indícios apenas da morte de Robert Godwin, de 84 anos, morto no domingo em uma rua de Cleveland, Ohio, quando voltava para casa após o almoço de Páscoa com a família.

Steve Stephens (Foto: Reprodução Facebook/Stevie Steve)
Steve Stephens (Foto: Reprodução Facebook/Stevie Steve)

Sem ficha

Até agora, sabe-se pouco sobre o suspeito. Ele tem 37 anos, e trabalhava como assistente social em uma unidade de saúde mental para crianças. Não tinha ficha criminal. Para Calvin Williams, chefe de polícia de Cleveland, Stephens parecia ter “claramente um problema”.

Em um vídeo postado no Facebook após o assassinato, Stephens diz ter ficado “louco por um momento”.

Outras postagens indicam que ele tinha dívidas de jogos de azar. “Perdi tudo o que eu tinha por causa do jogo nos cassinos de Cleveland Jack (Ohio) e Erie (Pensilvânia)”, escreveu em sua página, já deletada, no Facebook.

No vídeo transmitido ao vivo de seu carro pelo Facebook, depois do assassinato, Stephens diz: “Está vendo, a coisa é, cara, que eu tenho 37 anos e toda a minha vida, cara, eu sempre fui um monstro”.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *